19/07/2009

Na Serra com o Pastor.



Queridos amigos e leitores, estou a efectuar um trabalho que me está a ocupar muito tempo, no entanto este tem tanto de trabalhoso como de gratificante, estimulante e enriquecedor.

De um dos muitos pequenos textos que já preparei, decidi mostra-vos este, com algumas alterações pontuais, necessariamente obrigatórias para melhor se adaptar ao formato do Blogue.

Gostaria que viessem desfrutar comigo de uma actividade em vias de extinção e das de maior rentabilidade dos nossos antepassados (O Pastoreio na Serra).
Se vive na cidade, se nunca teve contacto com um rebanho, se a vida no campo, mais especialmente na serra o atrai, venha comigo passar um dia com um pastor, numa aldeia idílica onde o pastoreio ainda é uma realidade.

Lá bem no Fundo de um vale, protegido pelo Monte do Castelo e perto da Vila de Arcos de Valdevez, encontra-se a Quinta.
Situa-se em Vila Fonche, encostada ao rio Vez e a escassos minutos do P.N.G (Parque Nacional Peneda Gerês) e da área de paisagem protegida do Corno do Bico (Paredes de Coura), a 500 m da vila de Arcos de Valdevez, na direcção de Paredes de Coura.

O programa é o seguinte:
09:00h - Partida do curral
09:30h - Percurso com a vigia de caprinos
12:00h - Almoço com o pastor
14:00h - Dormida da Sesta
15:00h - Continuação do percurso com a vigia de caprinos
17:30h - Merenda
18:30h - chegada ao curral (aproximadamente).

Digam lá se não é um programa delicioso.
Um Bom Domingo para todos.
Fernanda Ferreira

8 comentários:

A. João Soares disse...

Querida Ná,
Ora aí está um pastor que gosta de companhia. É muito diferente de mim que usufruo da melhor maneira e dentro do possível a companhia virtual, aqui
, noutra Serra que tem o privilégio de ser a mais alta do nosso continente.

Tenho de me deslocar aí para comparar a vida ele com a minha!!!

Beijos
João

Maria Letra disse...

Isto é a Ná: leva-me a viajar até ao meu País, de vez em quando, desta vez duma forma muito especial. Como me sinto em paz. Não estou nada cansada com o percurso feito com a vigia dos caprinos, mas neste momento são já 11h:55m e começo a sentir um certo apetite e curiosidade de saber o que é que o pastor terá preparado para o seu almoço, ao ar livre. Para o meu preparei pão de centeio, mel e fruta, muita fruta. Assim, estarei leve para poder continuar sem esforçar o coração.
O percurso ainda não terminou, mas eu já tenho razões de sobra para a agradecer à Ná, que está neste passeio connosco.
Um grande beijinho e bom domingo.
Maria Letra

Serena Flor disse...

Passando pra agradecer a gntileza e a visita ao meu blog!
Um forte abraço e bom Domingo pra vocês!

Luis disse...

Querida NÁ,
Este seu programa de acompanhamento de um pastor é fantástico, mas eu pelo meu Alentejo vou assistindo de minha caseta ao pastoreio de ovelhas que por vezes até acabam por tentar entrar nos meus dominios... para se deliciarem na minha relva! Só não têm conseguido mercê da minha cadela fox-terrier que se lança a obrigá-las a sair trabalhando o rebanho como se tratasse de um cão pastor e a isso estivesse habituada!
Bom domingo com o seu programa repousante.

Vitor Chuva disse...

Olá Fernanda!

Tentador convite esse o de passar um dia na serra acompanhando o pastor, calcorreando montes e vales, atrás do rebanho. Eu acho que em vêz de um só dia, tal como previsto no programa, seria muito bem capaz de me sentir tentado a lá passar vários, já que a sugestão tem tanto de apelativa!

Continuação de bom trabalho!

Um abraço.

Vitor Chuva

Maria Letra disse...

Aproveito o espaço, ainda, para dizer que estive a ver um post do amigo João Soares, que comentei, publicado no blogue a 11 de Abril e fiquei encantada. Ainda não tinha visto. Portanto, vou continuar a dar umas voltinhas de pé coxinho ... depois do regresso deste passeio proposto pela Ná.
Uma boa semana para todos.
Maria Letra

Fernanda Ferreira disse...

Queridos amigos,

Neste nosso passeio virtual, que pode muito bem ser um dia real...assim todos queiram, a Quinta existe mesmo, chama-se Quinta do Fijó e aceita reservas.

Eu apreciei tudo, o dia esteve maravilhoso, o pastor era uma simpatia, as cabras lindas, especialmente as mais pequeninas que eu pessoalmente adoro.
Gostei do almoço e da merenda, não sou esquisita...mas do que mais gostei for de ter estado com todos vocês.

Obrigada
Beijinhos a todos

A. João Soares disse...

Querida Mizita,

Se gostou de ver o post Cidades europeias, também gostará de ver mais imagens no blog onde este post também está, além do Sempre Jovens. Há lá imagens de quase todos os concelhos de Portugal e algumas do estrangeiro.

Beijos
João