30/06/2009

Filigrana


Queridos amigos e leitores, permitam-me uma pequena introdução à história da filigrana, para que todos nos lembremos desta belíssima forma de arte.

A actual palavra “filigrana” deriva do latim “filumm granum” o que significa linha granulada.
Durante milhares de anos que mãos pacientes têm trabalhado este fascinante metal amarelo da cor do sol.

Filigrana é uma forma de trabalhar o ouro e a prata, transformando fios finíssimos como cabelos em peças delicadas e lindíssimas.
Feitas em linhas espirais e onduladas, as formas mais tradicionais continuam a ser reproduzidas e nunca nos cansam, pelo contrário elas mantêm todo o seu o esplendor e a atracção pela filigrana tem aumentado sempre ao longo dos anos.
Brincos, braceletes e colares para uso pessoal são a forma mais comum de usá-la, estando bem patente no traje regional Minhoto.
Actualmente até os novos designers não resistem ao seu uso, dando-lhe novas formas todos os dias.

Este meu pequenino texto é dedicado a todos, mas muito em especial à amiga bluegrasslim, que completa 21 anos (dia 2 de Junho).
A imagem mostra exactamente o presente que lhe foi enviado. Contudo, o que esta já nossa amiga para uns, e conhecida para outros mais precisa, é de palavras bonitas…não se esqueçam dela. 恭喜我亲爱的朋友 Phoebe.

Fernanda Ferreira

HOMENAGEM DOS DESENHADORES A JOÃO PAULO II


Peço perdão por ultrapassar as "normas" do Blogue mas achei o tema lindo e a não perder!

A MENINA DE IPANEMA

video

Ser Solidário



Para além dos comentários já apresentados no local apropriado resolvi fazer um pequeno post em apoio de quem se está sentindo amargurado com o afastamento de Alguém que lhe era muito querido!
A Vida tem destas coisas e por vezes elas acontecem sem que houvesse razões plausíveis para que tal se verificasse. São momentos infelizes, que todos nós podemos ter, difíceis de entender e explicar... Mas com calma e acima de tudo com humildade podemos acabar por recuperar e refazer amizades que poderiam estar numa situação de crise que julgávamos ser irreversível e afinal não era esse o caso! É esse o meu grande desejo!

PEDIDO DE SANGUE URGENTE

U R G E N T E

Pedido de sangue!

Por motivo de doença grave, um amigo está hospitalizado à espera de ser operado. Ainda não o foi porque tem um sangue raro (apenas 2% da população mundial tem este tipo de sangue) B NEGATIVO.Pede-se a quem tenha este tipo de sangue que contacte com urgência:

Luís de Carvalho - 931085403
Pedro Leal Ribeiro - 222041893 Fax: 222059125
Se não puderes ajudar, por favor divulga este e-mail.. Não custa nada passar

HOJE POR ELE AMANHÃ (oxalá não precises) POR TI...


Fernando Jorge Gonçalves
Dep. Lab. Hospital Militar Porto

COPIADO DO BLOGUE SER CRISTAL

INTERNET POR FIOS (EDP)

A SER VERDADE (E PARECE QUE O É), SERÁ MAIS UM ATENTADO À
SAÚDE DE TODOS NÓS!!!
(recebido por email)


(Penso que isto deverá ser objecto de estudo dos especialistas na
matéria...)
- Mais uma desgraça para a humanidade!
POWERLINE é um novo sistema de distribuição de Internet e
telefone digital, através da rede eléctrica. Em Portugal a ONI está a
desenvolver este sistema em algumas zonas de Lisboa, mas ainda
em fase experimental.
O POWERLINE funciona da seguinte maneira:
Nos postos de transformação da EDP são instalados os servidores
de Internet e telefone digital, estes servidores transmitem o sinal
em altas-frequências (HF) com potência suficiente para percorrer a
rede eléctrica até chegar às casas dos consumidores.
Nas casas dos consumidores são instalados modems próprios para
POWERLINE, estes modems são ligados a uma tomada de
electricidade para emitirem também para a rede da EDP sinais de
altas-frequências (HF) com potência suficiente para conseguirem
chegar aos servidores instalados nos postos de transformação da
EDP.
Portanto os sinais de POWERLINE passam a circular pelos cabos
da EDP, cabos esses que não têm qualquer blindagem (não são
cabos coaxiais), então os sinais de alta-frequência saem dos cabos e
são irradiados para o ar passando a estar presentes em toda a
parte.
Estes sinais são em altas-frequências em banda larga, entre os 8000
KHz e os 30000 KHz. Diz-se que os cabos eléctricos que
transportam electricidade a 50 Hz já fazem mal à nossa saúde, há
quem proteste por ter as suas casas debaixo de cabos de alta tensão
que mais uma vez chamo à vossa atenção, são cabos que
transportam 50 Hz, agora imaginem com o POWERLINE passam
a circular altas-frequências de 8000 KHz aos 30000 KHz por toda a
parte, porque estas frequências por serem muito elevadas saem dos
cabos e vão para o ar atingindo-nos a todos nós !!! Este sistema é
altamente perigoso para os humanos, assim como para todos os
outros animais, ou seja este sistema provoca o CANCRO.
A leucemia tornar-se-á uma doença muito comum em grande parte
da população das grandes cidades onde o POWERLINE estará em
funcionamento!
Mas não ficamos por aqui, além de ser muitíssimo perigoso para a
nossa saúde, também trará muitos outros problemas, como
interferências nas nossas televisões, mesmo para quem tem TV
Cabo, interferências enormes nos nossos receptores de rádio,
telefones, intercomunicadores, walkie-talkies, etc...
Estas interferências poderão mesmo acabar com a escuta de rádio
por completo.
Para os cibernautas: não queiram a Internet por este sistema, além
de ter todas as desvantagens que já mencionei, é um serviço de
Internet péssimo, cheio de falhas e muito instável, devido às muitas
interferências que circulam por toda a rede eléctrica, interferências
de electrodomésticos, lâmpadas fluorescentes, todo o tipo de
motores, fábricas, etc...
Se querem Internet com qualidade, usem os serviços de ADSL que
são os melhores em todos os aspectos.
O POWERLINE foi proibido na Alemanha, Itália, Japão e outros
países.
Perante tal ameaça, vamos ficar de braços cruzados à espera que a
ONI e EDP, com o consentimento da ANACOM, avancem com este
projecto monstruoso e absurdo, para que a ONI e a EDP
enriqueçam ainda mais à custa da nossa desgraça?
NÃO, TEMOS QUE PROTESTAR ! Mandem e-mails para a
ANACOM, para o governo, para a assembleia da república, etc...
E NÃO QUEIRAM O POWERLINE NAS VOSSAS CASAS.
DIGA NÃO AO POWERLINE!


Eng. Augusto Albuquerque
Divulguem este texto o mais possível.

29/06/2009

Perder um amigo...


Um verdadeiro amigo é alguém que aquece o nosso coração, que nos anima, nos ouve, compreende e ajuda a superar os momentos difíceis. Raramente pensamos no seu valor, que o temos, mas sempre naquilo que ainda nos falta, até ao dia em que o perdemos!

Hoje estou com o coração em pedaços, chorei e fiz mal a uma alma querida, alguém muito especial para mim.
Parti o seu coração, perdi a sua amizade e perdi uma parte de mim, da minha vida, agora mais insignificante do que nunca.
Perdi o meu melhor amigo, é inexplicável o que a vida nos faz.
Éramos donos do mundo, não tínhamos nada mas tínhamos tudo, o sentimento mais nobre do Mundo...O dom da amizade e do carinho.

O mais difícil de aprender na vida é saber quais as pontes a atravessar e como dizer adeus a alguém que parte. Infelizmente essa opção foi-me imposta, nós sabemos porquê... e só nós o sabemos... por isso peço-te, meu bom amigo, não chores pelo que terminou, antes ri pelo que aconteceu e tivemos enquanto durou.
Fernanda Ferreira

28/06/2009

Como manter-se jovem e feliz

Recebi por e-mail, de autor desconhecido. É uma receita para o presente e, principalmente, para o futuro, que começa hoje, ou já começou como uma conta bancária de segurança para a velhice. Para ler e meditar até ao fim.

Receita de Dona Cacilda

Dona Cacilda é uma senhora de 92 anos, miúda, e tão elegante, que todo dia às 08 da manhã ela já está toda vestida, bem penteada e discretamente maquiada, apesar de sua pouca visão. E hoje ela se mudou para uma casa de repouso: o marido, com quem ela viveu 70 anos, morreu recentemente, e não havia outra solução.

Depois de esperar pacientemente por duas horas na sala de visitas, ela ainda deu um lindo sorriso quando a atendente veio dizer que seu quarto estava pronto. Enquanto ela manobrava o andador em direcção ao elevador, dei uma descrição do seu minúsculo quartinho, inclusive das cortinas floridas que enfeitavam a janela.

Ela me interrompeu com o entusiasmo de uma garotinha que acabou de ganhar um filhote de cachorrinho.

- Ah, eu adoro essas cortinas...

- Dona Cacilda, a senhora ainda nem viu seu quarto... Espera um pouco...

- Isto não tem nada a ver, ela respondeu, felicidade é algo que você decide por princípio. Se eu vou gostar ou não do meu quarto, não depende de como a mobília vai estar arrumada... Vai depender de como eu preparo minha expectativa. E eu já decidi que vou adorar. É uma decisão que tomo todo dia quando acordo.
Sabe, eu posso passar o dia inteiro na cama, contando as dificuldades que tenho em certas partes do meu corpo que não funcionam bem...
Ou posso levantar da cama agradecendo pelas outras partes que ainda me obedecem.

- Simples assim?

- Nem tanto; isto é para quem tem autocontrolo e exigiu de mim um certo 'treino' pelos anos a fora, mas é bom saber que ainda posso dirigir meus pensamentos e escolher, em consequência, os sentimentos.
Calmamente ela continuou:
- Cada dia é um presente, e enquanto meus olhos se abrirem, vou focalizar o novo dia, mas também as lembranças alegres que eu guardei para esta época da vida. A velhice é como uma conta bancária: você só retira aquilo que guardou. Então, meu conselho para você é depositar um monte de alegrias e felicidades na sua Conta de Lembranças. E, aliás, obrigada por este seu depósito no meu Banco de Lembranças. Como você vê, eu ainda continuo depositando e acredito que, por mais complexa que seja a vida, sábio é quem a simplifica.

Depois me pediu para anotar: COMO MANTER-SE JOVEM

1. Deixe fora os números que não são essenciais. Isto inclui a idade, o peso e a altura. Deixe que os médicos se preocupem com isso.

2. Mantenha só os amigos divertidos. Os depressivos puxam para baixo. (Lembre-se disto se for um desses depressivos!)

3. Aprenda sempre: Aprenda mais sobre computadores, artes, jardinagem, o que quer que seja. Não deixe que o cérebro se torne preguiçoso. 'Uma mente preguiçosa é oficina do Alemão.' E o nome do Alemão é Alzheimer!

4. Aprecie mais as pequenas coisas.

5. Ria muitas vezes, durante muito tempo e alto. Ria até lhe faltar o ar.
E se tiver um amigo que o faça rir, passe muito e muito tempo com ele ou ela!

6. Quando as lágrimas aparecerem, aguente, sofra e ultrapasse. A única pessoa que fica connosco toda a nossa vida somos nós próprios. VIVA enquanto estiver vivo.

7. Rodeie-se das coisas que ama: Quer seja a família, animais, plantas, hobbies, o que quer que seja. O seu lar é o seu refúgio.

8. Tome cuidado com a sua saúde: Se é boa, mantenha-a. Se é instável, melhore-a. Se não consegue melhorá-la, procure ajuda.

9. Não faça viagens de culpa. Faça uma viagem ao centro comercial, até a um país diferente, mas NÃO para onde haja culpa.

10. Diga às pessoas que ama que as ama, a cada oportunidade. E, se não mandar isto a pelo menos quatro pessoas - quem é que se importa? Serão apenas menos quatro pessoas que deixarão de sorrir ao ver uma mensagem sua.

Mas, se puder, pelo menos partilhe com alguém!
"Nada vale a pena se não tocarmos o coração das pessoas."

A Saúde

Dado que hoje será o meu último dia desta etapa de "repouso obrigatório", pois já me sinto como nova (mas que exagero !...), vou deixar aqui um pouco de mim, saído fresquinho da minha cabeça, depois dum sono reparador. O meu tema será: SAÚDE. Polémico, mas que fala de como eu tenho, até hoje, ultrapassado as minhas doenças.
............

Talvez porque tenho um Deus maravilhoso, que me acompanha e me tem protegido todos os dias e a que todos chamamos Natureza, eu procuro com Ele ultrapassar - até hoje com êxito - os meus pequenos problemas de saúde. Assim, vejamos, só como um simples exemplo entre muitos, para não alongar o meu texto:
Enquanto a maioria das pessoas, quando tem febre por causa duma gripe ou duma amigdalite, toma um antibiótico, uma Aspirina ou Paracetamol, etc., etc., eu recorro à minha toalha de água fria que coloco sobre a zona abdominal, conservando a sua baixa temperatura com um saco de gelo sôbre a toalha. Esta operação é repetida sempre que a toalha aquece demasiado e até que a febre desapareça. Salvo uma ou duas raras excepções, só permaneço de cama um dia. No segundo, faço a minha vida normal, embora não saindo de casa. Quando sinto que a gripe vem acompanhada de problemas do aparelho digestivo, uso a papa de argila, preparada com os cuidados necessários (não usando água de torneira, nem objectos de metal, etc.), a qual é mudada de duas em duas horas. Não tenho, durante algum tempo, como acontece com a maioria das pessoas que recorrem aos antibióticos, enjoos, perda de apetite, etc. Bem pelo contrário!
O meu método SEMPRE resultou e foi com ele, usados nos meus 6 filhos, que eu fugi sempre do recurso a antibióticos, os quais deveriam ser evitados ao máximo. Exceptuo, porém, uma colher de Britacil, dada a dois dos meus filhos, em diferentes anos, no dia de Natal. Era costume passarmos até à meia-noite, na casa do meu sogro e cunhados e, depois da meia-noite, irmos para casa dos meus pais. A mudança de temperatura fez com que, nesses dois anos, dois deles tivessem uma ligeira otite. Aí ..., no que se refere à otite, eu dei-lhes uma colher de Britacil e a dor passou logo. No que se refere ao Natal, decidimos passar a ir um ano a casa do meu sogro e no outro a casa dos meus pais. Quanto ao Britacil, passada a dor, já não lhes dei a segunda colher.
Eu sei, eu sei que vão dizer-me que deveria ter-lhes dado o frasco todo ..., mas eu nunca o fiz. Posso afirmar-vos que eles cresceram sem precisar de antibióticos. Foram 6 filhos criados assim. Será que não basta como bom exemplo? Claro está que sempre considerei que o segredo da saúde reside, principalmente, na alimentação e numa vida o mais natural possível. E eles tiveram essas duas coisas.
Escrevi sôbre saúde. Espero não ter ferido a susceptibilidade de quem abusa dos antibióticos ...

CALMARIA!

Imagem do Google www.maxmode.blogspot.com


Rasguei todas as promessas que me fizeste,
Destruí-as, enterrei-as sem pudor,
Rasguei-as com a mesma garra que tu teces
Esta mágoa que me queima e causa dor.

Destruí-as simplesmente sem me sentir,
Enterrei-as, ai que bom só de pensar
Que já não sei nem conjugo o verbo ir,
Que já não quero o que não me podes dar.

Acabou-se, é pretérito, foi-se o tempo
Em que os desejos eram só tristes lamentos
Desfeitos na penumbra que me sorvia...

Hoje tenho a verdade que em mim emana
Com subtileza o frescor da esperança,
Hoje tenho o sabor da calmaria!


Ana Martins
Escrito a 25 de Junho de 2009

27/06/2009

A Praga das Pastilhas Elásticas


Atraídos pelo cheiro adocicado e pelo sabor de fruta, os passarinhos tentam comer restos de pastilhas elásticas deixadas, irresponsavelmente, em qualquer lugar.

Ao sentirem a pastilha colada no seu bico, tentam, desesperados, retirá-lo com os pés... E aí, acontece o pior: acabam sufocados.

Por favor, embrulhe a pastilha num pedaço de papel e deite-o no lixo.

Passe esta mensagem!

Seja você também consciente e ajude a Natureza!

Há tanta coisa simples que podemos fazer para evitar tanta coisa assustadora!

Esta é uma delas...

26/06/2009

O MILAGRE DA MÚSICA!

Do meu amigo João Brito:

Repare-se na expressão do garoto; no inicio ele parece triste e pequeno, mas à medida que toca seu banjo ele cresce com a música e vai-se deixando levar por ela, até transformar sua expressão triste em um sorriso contagiante, contaminando todos com sua alegria, a alegria de um autista que é resgatada por alguns momentos, graças a um violão forasteiro. O garoto brilha, cresce e exibe o sorriso preso nas dobras da sua deficiência, que a magia da música traz à superficie. Depois, ele volta para dentro de si, deixando sua parcela de beleza eternizada por acaso no filme Amargo Pesadelo (1972). O garoto não é actor, apenas um autista que residia no local onde estavam sendo feitas as filmagens. Pararam em um posto de gasolina para abastecer e aconteceu a cena mais marcante que o director teve a felicidade de encaixar no filme. Vale a pena o duelo, a beleza do momento e, mais que tudo, a alegria do garoto! Aproveite o encantamento do vídeo e acredite que o milagre acontece quando menos se espera...

video

Café de Paris

Café de Paris.
Ponto de encontro
De tantos corpos.
Uns, cheios de vida,
Outros, quase mortos.
Nas cabeças,
Um mundo desconhecido
De ambições.
No peito ...
Mais dores do que corações.
A banda, repetitiva,
Sempre igual,
Parecia tudo,
Menos musical.
O interior do salão
Era deprimente.
O aspecto, sórdido.
Nos olhares
Sentia-se esperança
E um desejo mórbido.
Em cada par,
Um caso ...
Por vezes sério,
Mas, na maioria,
P'ra não recordar.
Contudo,
Neste salão deprimente
E de aspecto sórdido,
Onde quase tudo
É doentio,
É mórbido,

Encontrei-te a ti.
No teu doce peito
Senti um coração.
Na tua cabeça
Uma humana ambição:
Encontrares alguém
Que suavizasse
A vida que tens.

Dançámos.
Sem falsas ilusões,
Dia, após dia,
Um desejo crescia:
Estarmos juntos os dois.
Meu sofrido corpo
Ansiava aprender
A lição do Amor.
Ensinaste-ma tu.
Hoje, meu bem,
O meu coração
Sabe bem o que quer.
Aprendeu, contigo,
Como é bom ser Mulher.

Maria Letra

Sempre Jovem Serei!

Com saudade vos escrevo:

Quanto mais envelheço, mais consciência tenho que amadureço.

Torno-me lento fisicamente mas Sábio e mordaz no pensamento.

Recordo os velhos tempos, contudo sentindo as frescas águas,

que levam vida a gente nova e voz de esperança a quem as escuta.

Amigos, a quem depois de mim chegar, em paz terá que continuar.

Por curvas, retas e vielas, na vida, confiantes e cheios de fé certamente chegareis.

Onde? Ao final, ao fim deste ciclo, ao vazio iluminado pela esperança.

O final onde tudo se renova, começa e se torna de novo um sopro.

Onde estaremos mais uma vez nesta mesma senda,

Sempre Jovem, Sempre grandes ...sempre vivos!

Com Amor,

Miguel Letra

25/06/2009

A importância do hífen...

Soube de alguém que teve a incumbência de falar no funeral de um amigo.
Referindo-se às datas na lápide, desde o início da sua vida até ao fim, reparou primeiro na data de nascimento e depois referiu-se aos anos que se seguiram.
Com os olhos rasos de lágrimas, disse ...que o que mais importante acima de tudo, era o hífen (_) entre as duas datas, aquele espaço entre - Nascimento e Morte-, uma vez que esse espaço representava o tempo que ele vivera, o qual só agora, os que o amaram sabiam o valor daquela linha tão fininha.

Os bens materiais nada valem. O que realmente importa é como vivemos, amamos e como passamos esse espaço de tempo.

Por isso, pensemos algum tempo e profundamente. Haverá, seguramente, alguma coisa que gostaríamos de mudar na nossa vida, porque nunca sabemos quanto tempo nos falta para reorganizá-la e vivê-la!!! Ninguém sabe...

Se pudéssemos apenas abrandar um pouco para verificar o que é verdadeiramente real, tentássemos perceber o que as outras pessoas sentem, pensam e soubéssemos estimá-las, apreciá-las pelo seu todo, pelo seu valor enquanto pessoas...

Se conseguíssemos ser menos azedos, mostrar mais apreço e amor pelas pessoas que fazem parte da nossa vida…

Se nos tratássemos com respeito e sorríssemos mais frequentemente, lembrando-nos que esta linha pode durar só um pouquinho...
Então, quando o nosso louvor estivesse a ser lido, a nossa história de vida a ser relatada, estaríamos seguramente mais felizes com a forma como gastamos o tempo entre essa pequena linha. Pensem nisto!!!
Com muito amor.

Adaptação do poema “The dash Poem” de Linda Ellis, cujo original poderão ler dash-poem.
Imagem da Net.
Fernanda Ferreira

24/06/2009

Fazer contas na era da calculadora

O professor iniciou a aula distribuindo uma folha com um problema: Tês amigos lancharam na pastelaria do seu bairro. Ao pedirem a conta o empregado disse quee eram 30 euros. Cada entregou uma nota de 10 euros. O empregado entregou o dinheiro ao patrão que estava junto da caixa registadora e este disse que , por aqueles clientes serem antigos e com bons consumos, a conta ficava nos 25 euros, e entregou 5 euros aos empregado para lhes devolver Perante isso, o empregado, para facilitar as contas de divisão por três, ficou com 2 euros e entregou 3 aos clientes.

Fazendo as contas, verifica-se que depois da conta de 30 euros ser reduzida para 25, e da devolução dos 3 euros, cada cliente pagou 9 euros o que perfaz 27 euros, a somar a isso, o empregado ficou com 2 o que perfaz 29 euros e pergunta-se onde está o euro que falta para os 30.

Ao fim da aula nenhuma aluno tinha respondido à pergunta. O professor disse que pensassem nisso em casa e, se precisassem, pedissem ajuda a familiares e amigos. No dia seguinte voltariam ao problema.

E você, sabe responder?


No dia seguinte, não havia resposta e, então, o professor explicou.

O problema é simples. Não falta nada. Houve apenas um mau emprego da calculadora, porque ela faz contas depressa, mas não pensa que contas devem se r feitas. Não sabe se deve somar ou subtrair, se deve multiplicar ou dividir.

Vejamos: cada cliente pagou 9 € o que multiplicado por 3 perfaz 27€, dos quais, 25€ foram destinados ao patrão da pastelaria e os restantes 2€ ficaram nas mãos do empregado. Portanto, ficou tudo certo.

E:mail "aberto" a todos

Como os colaboradores antigos deste blogue sabem, há já bastante tempo que não participo nele, primeiramente por falta absoluta de tempo, depois pelas razões que expus ao amigo João Soares num e:mail que lhe enviei há dois dias, o qual ambos entendemos, por bem, ser dado a conhecer, para defesa da minha posição em matéria de colaboração.

O que comunico nele NADA, MAS MESMO NADA tem a ver com os novos colaboradores, textos dos quais não li, à excepção do amigo Luís. Não sei, absolutamente, se são ou não pessoas cujas mensagens são apreciadas pelos leitores. Trata-se, apenas, de relatar os porquês que estão imediatamente depois da minha COMPLETA falta de tempo para escrever coisas "minhas", tempo esse do qual, enquanto a minha neta estiver comigo, em Londres, não poderei dispôr. Transcrevo, portanto, a seguir, o e:mail que referi, na íntegra:
...................
"Amigo João Soares,

Obrigada pelo seu e:mail e pelas suas palavras, que guardarei no meu coração. Vai, talvez, ser demasiado longo o meu e:mail, mas a minha correcção e frontalidade, levam-me a tentar fazê-lo compreender o que sinto hoje, relativamente ao blogue "Sempre Jovens".

"Sinto" - através do grande número de e:mails que recebo dos textos colocados no blogue - que já há colaboradores suficientes nele. João Soares, a minha opinião MUITO PESSOAL, eventualmente errada, é a de que me parece um blogue demasiado "cheio". Não sei, quer-me parecer. Peço perdão se não devia "meter a foice em seara alheia" ....

Quando eu colaborava no blogue, fazia-o com um prazer especial. Tinha algum tempo disponível, mesmo que fosse de madrugada. Quem corre por gosto não cansa. Havia os posts do João Soares, com temas muito seus, que o identificam como uma pessoa atenta à política e à injustiça social (que prolifera um pouco por todo o lado no nosso país e não só ...). Quando se vê o seu nome num post, não há dúvida que sabemos o que esperar nele. O seu leitor "espera" isso de Si. Depois havia a Ana Martins, com a sua poesia muito particular, muito sentida, muito profunda. Também aqui, o leitor amante desta forma de expressão escrita, podia mesmo visitar o blogue na procura curiosa e interessada de mais um poema dela. Depois havia a Mara, que costumo classificar de "suave", doce, com os seus quadros que traziam colorido ao blogue. Uma verdadeira senhora, extremamente sensível. Uma vez disse-lhe que eu sentia que, quando ela aparecia, lembrava alguém que vem com um docinho feito em casa, feito por ela, mesmo quando o que escrevia não fosse de sua autoria. O seu comentário à história que contava "transpirava" Mara por todos os poros. Depois surgiu a Ná, com o seu gosto pelo turismo e pela arte universal, dirigida ao leitor menos atento ou mesmo menos informado. E por fim, estava ali eu, a "desabafar" coisas da vida, ou mesmo da minha vida, que provavelmente não seriam interessantes mas ... como costuma dizer-se: cada um dá aquilo que pode e sabe. Depois ... eu prenchia, TALVEZ, as ausências da Ana Martins, que não escrevia tantas vezes. É uma poesia diferente, a que eu escrevo, mas identifica-se comigo, como disse, um dia, faço poesia "enrolada no meu eu" ....

Hoje, João Soares, muito do fundo do meu coração, não tenho tempo para ler tanta coisa que se escreve ali. Eu preferia, talvez, ler coisas criadas pelo próprio, mais do que transcrições de coisas feitas por outros. Não sendo assim, lembra-me as festas familiares onde o que se come foi comprado fora e só é da autoria de quem faz a festa, a decoração. Isto não quer dizer que não se transcreva um artigo, desde que não seja demasiado "maçudo", mas o sumo deverá ser a mistura dos seus autores, para podermos apreciar o valor de quem o transcreve, como faz o João.

Como o meu amigo sabe, tão bem ou mesmo melhor do que eu, os seus artigos transportam o leitor, por curiosidade e admiração, ao seu blogue, porque sabem bem o que irão encontrar lá, o mesmo acontecendo com qualquer dos colaboradores que referi. É também aqui que está a importância do blogue, proporcionando ao leitor a possibilidade de identificar-se com o autor de cada texto e procurá-lo noutras fontes. O Luís, por exemplo, é uma pessoa muito perspicaz, por vezes até (TALVEZ) mordaz, mas com uma sensibilidade absolutamente de admirar. Seria isso que eu gostaria de ver no "Sempre Jovens": não muitos, mas bons. Isto NÃO SIGNIFICA, DE MODO ALGUM, que quem colabora hoje não seja bom, simplesmente me parece muita gente. Hoje não estaria, se tivesse tempo, motivada a ler TUDO o que se escreve porque me cansaria andar à procura nos blogues de quem admirasse mais, que será o que provavelmente acontece com outras pessoas.

Depois de ter, também agora, "desabafado" consigo, vou ver se janto porque são 22:50 e ainda não o fiz.

Um grande e amigalhão abraço. Escreva até que a sua mão lhe doa. E se doer, trate-a, porque haverá muito leitor que desejará vê-lo com a mão ágil. Isto é o que costumo dizer a quem gosta de escrever.

Mizita"

Espero ninguém fique melindrado com o que escrevi. Fi-lo "com o coração nas mãos", a um amigo, mas achámos por bem, repito, publicar o segundo motivo pelo qual não venho ao blogue. Àqueles que desejariam eu participasse, peço perdão. Fui honesta comigo própria. O que escrevi é a verdade que me leva a sentir-me desmotivada para colaborar, além da falta de tempo, refiro. E, outra coisa que não referi: o comentário de cada um impõe-se, moralmente e eu não podia comentar tanto trabalho. Estes são os "MEUS" senãos quanto ao blogue.

Para TODOS, sem excepção, vai o meu carinho pelo gosto que possam ter de escrever. Continuem a participar. Foi para isso que ele iniciou há dois anos. Eu passei por aqui ... COM MUITO GOSTO!

Maria Letra

A FRASE...(O Rei vai nu)


A propósito do post "MILAGRE" colocado no blogue "A TULHA DO ATILIO" vem esta frase que aqui coloco:

"O país anda há uma semana a analisar o 'novo Sócrates', com profundas reflexões sobre a queda dos decibéis, a milagrosa multiplicação da palavra 'humildade' e o seu novo olhar de carneirinho mal morto. Mas (...) reduzir a discussão política a uma inflexão vocal é, digamos assim, um bocadinho redutor".

João Miguel Tavares, "Diário de Notícias", 23-06-2009


23/06/2009

Magnifico... Três tenores de 14 anos

Clicar neste link:

http://www.youtube.com/watch?v=FqUkUjeF4-c

Pensamentos do arco da velha

As três coisas...

Há três coisas na vida que jamais retornarão:
O tempo, as palavras e as oportunidades.
Há três coisas na vida que podem destruir uma pessoa:
A ira, o orgulho e não perdoar.
Há três coisas na vida que você nunca deve perder:
A paz, a esperança e a honestidade.
Há três coisas na vida de maior valor:
O amor, a bondade, a família e os amigos.
Há três coisas na vida que não são seguras:
O êxito, a fortuna e os sonhos.
Há três coisas na vida que formam uma pessoa:
A sinceridade, o compromisso e o trabalho árduo.

Nota: Recebido por e-mail em forma de pps (que conforme aqui já foi lembrado pelo amigo João) pesa demasiado no Blogue pelo elevado número de fotos que contem. Assim eu passo aqui só o texto e uso uma imagem mínima.
Ao ler o e-mail, lembrei-me imediatamente das três coisas primordiais na minha vida: A minha família, os meus amigos e a saúde de todos que amo. Nem preciso de explicar porque … afinal, elas serão certamente comuns a muitos. Tenho presente o que o amigo João acabou de dizer no seu comment ao meu post anterior tempo-de-recomecar. Contudo lanço aqui um desafio, se não se importam, que todos escrevam as três coisas mais importantes das suas vidas.
Fernanda Ferreira

SEMPRE A APRENDER!

Primeiros europeus eram canibais
Restos fossilizados atribuídos aos primeiros europeus, descobertos no sítio arqueológico de Atapuerca (norte da Espanha), revelam que estes homens pré-históricos eram canibais, sendo que apreciavam carne de crianças e adolescentes.

As primeiras escavações nesse local começaram em 1978, segundo a France presse, e no correr da década de 1980, foram encontrados inúmeros restos de humanos pequenos, uma descoberta significativa para os arqueólogos envolvidos.

"Sabemos, por exemplo, que eles praticavam o canibalismo", afirma José María Bermúdez de Castro, vice-director de Atapuerca, um dos sítios arqueológicos mais importantes da Europa, inscrito em 2000 no património mundial da Unesco.

O estudo dos fósseis também revelou que esse homens praticavam a antropofagia para alimentação, e não por ritual, e que comiam os seus adversários depois de os matar em combate.

"É o primeiro caso de canibalismo bem documentado da história da humanidade; não quer dizer que seja o mais antigo", explicou Castro, acrescentando que “os restos do Homo antecessor da Grande Dolina estão dispersos, rompidos, fragmentados, misturados com os restos de outros animais, cavalos, rinocerontes, todos os tipos de animais que são produto da caça e consumidos pelo ser humano".

"Estes restos estão marcados, trincados com marcas de faca de pedra, marcas de estripação, elementos que são típicos e característicos de uma acumulação de ossos utilizados por seres humanos", diz.

Os restos fossilizados, encontrados a partir de 1994, correspondem provavelmente aos primeiros seres humanos que se desenvolveram na Europa, baptizados de Homo antecessor.

Eles, que viveram antes do homem de Neandertal e do Homo sapiens, instalaram-se há 800 mil anos nas grutas de Atapuerca, provavelmente depois de uma longa imigração a partir da África e através do Médio Oriente, norte da Itália e depois França.



COMO VOCE ACORDOU HOJE?


OLÁ COLEGA E AMIGO (A)!!!


COMO VOCÊ ACORDOU HOJE?


CANSADO?


COM PREGUIÇA?


BRAVO(A)?


FELIZ?


COM ENERGIA?


ROMÂNTICA(O)?


NAS NUVENS?


PENSATIVA(O)?


COM RAIVA?


COM DISPOSIÇÃO ?


SEJA COMO VC ESTIVER SE SENTINDO HOJE, DESEJO UM LINDO E ABENÇOADO DIA CHEIO DE ENERGIA , PAZ E TRANQÜILIDADE.


LÁ VAI AQUELE beijoooooooooooooo e um Bemmmmmmmm grande!...


CELLE


"Bom mesmo é ter problemas na cabeça,
sorriso na boca e paz no coração."
A Vida é bela!

Tempo de recomeçar...

É sempre tempo de recomeçar. Em qualquer situação podemos abrir novas portas, conhecer novos lugares, novas pessoas e ter outros sonhos.

Renovar o nosso compromisso com a vida e assim… renascer para a vida e alcançar a felicidade.
Não importa quem te feriu, o importante é que tu ficaste. Não interessa o que te falta, tudo pode ser novamente conquistado.
Não lamentes por quem se foi, cada um tem seu tempo. Não reclames da dor, ela é a conselheira que nos chama de volta ao caminho.
Não te espantes com as pessoas, cada um carrega dentro de si, dores e marcas que alteram o seu comportamento, ora estamos felizes e transbordamos de alegria e paz, ora estamos melancólicos e só queremos ficar sozinhos...

O mundo está cheio de oportunidades, basta olhar para a terra depois da chuva. Vê quantas plantinhas estão a surgir, como o verde se espalha mais bonito e forte depois da tempestade.
As portas abrem-se para os que não tem medo de enfrentar as adversidades da vida, para os que caíram mas que se levantam com o brilho de vitória nos olhos.

Todos os caminhos têm duas saídas; um é o que seguimos ainda com passos inseguros, com medo, porque não sabemos ainda o que vamos encontrar lá na frente. A outra é a que já conhecemos o que tem no caminho.
Quando um dia, resolvemos enfrentar os nossos medos e fazer essa viagem novamente, somos mais fortes, os nossos passos são agora mais firmes, já sabemos onde e como chegar ao destino, o destino é a vitória, o seu destino é ser feliz, eu sei isso, tu sabes isso, só falta mesmo recomeçar…O caminho está a tua espera, faz-te a ele…sê feliz!
Fernanda Ferreira

Do programa de TV Casseta & Planeta aos Deputados brasileiros

Sintam a situação!!!

Onde chegamos!!!



Nota de esclarecimento do Casseta & Planeta aos Deputados..

Vejam a noticia... depois leia a resposta do pessoal do Casseta e Planeta aos Deputados...

A Nota de Esclarecimento realmente é digna dos Cassetas. É O MÁXIMO!!!

O Globo (Brasília):Câmara se queixa do 'Casseta & Planeta' Pressionada por deputados, a Procuradoria da Câmara vai reclamar junto à Rede Globo pelas alusões feitas no programa 'Casseta & Planeta' exibido terça-feira passada. Os parlamentares reclamaram especialmente do quadro em que foram chamados de ' deputados de programa '. Nele, uma prostituta fica indignada quando lhe perguntam se ela é deputada? O quadro em que são vacinados contra a ' febre afurtosa' também provocou constrangimento.Na noite de quarta-feira, um grupo de deputados esteve na Procuradoriada Câmara para assistir à fita do programa.. Segundo o procurador Ricardo Izar (PMDB-SP), duas parlamentares choraram-coitadinhas.

Izar se encontrará segunda-feira com representantes da emissora, para tentarem acordo, antes de recorrer à Justiça.O presidente da Câmara também se disse indignado: - O programa passou dos limites. Eles têm talento suficiente para fazer graça sem desqualificar a instituição (que instituição???), que garante a liberdade para que façam graça. O diretor da Central Globo de Comunicação, Luís Erlanger, disse que a rede só se pronuncia sobre ações judiciais, depois de serem efetivadas.Os humoristas do Casseta & Planeta não quiseram falar sobre o assunto,dizendo não querer 'dar importância à concorrência'.

NOTA DE ESCLARECIMENTO':Foi com surpresa que nós, integrantes do Grupo CASSETA & PLANETA,tomamos conhecimento, através da imprensa, da intenção do presidente da Câmara dos Deputados de nos processar por causa de uma piada veiculada em nosso programa de televisão. Em vista disso, gostaríamosde esclarecer alguns pontos:1.. Em nenhum momento tivemos a intenção de ofender as prostitutas . O objetivo da piada era somente de comparar duas categorias profissionais que aceitam dinheiro para mudar de posição.2.. Não vemos nenhum problema em ceder um espaço para o direito de Resposta dos deputados. Pelo contrário, consideramos o quadro muito adequado e condizente com a linha do programa.3... Caso se decidam pelo direito de resposta, informamos que nossas gravações ocorrem às segundas-feiras, o que obrigará os deputados a'interromperem seu descanso .'Equipe do Casseta & Planeta REPASSEM PARA O MUNDO!!

Cristo Redentor

AMO!

Imagem do Google PEDRAMOURINHA


Amo
Cada traço do teu rosto,
Cada ruga que em ti se fez,
Cada branca que ao Sol posto
Ilumina a tua tez.

Amo
Cada gesto que tu calas,
Cada palavra com que me beijas,
Cada dúvida que não falas,
Cada momento que planeias.

Amo
Os teus olhos já velhinhos
E as décadas que já viveram,
Amo os Invernos e Estios
Que nesses olhos se prenderam.

Amo
A candura que em tuas mãos,
Tu transmites sem segredos,
Quando segura e com razão
Tu afastas os meus medos.

Amo
O teu nome QUERIDA MÃE
E tudo o que vem de ti,
Amo o esplendor que a vida tem
Porque MÃE tu estás aqui!


Ana Martins
Escrito a 18 de Junho de 2009

22/06/2009

Como eleger um Presidente da República !!!

Recebido por e-mail de V. C. este exemplo de originalidade, inovação e criatividade da cantora activista Rita Lee, ao apresentar esta ideia brilhante no programa do Amaury Jr.

Reclamando da inutilidade de programas como o Big Brother, ela recorreu à estrutura do programa, para apresentar a seguinte sugestão para a eleição democrática do Presidente da República:

Colocar todos os pré-candidatos à presidência da República trancados numa casa, debatendo e discutindo os seus respectivos programas e projectos para o País. Sem marqueteiros, sem assessores, sem máscaras e sem discursos ensaiados.
Ao fim de cada semana, o público vota e elimina um.
No final do programa, o vencedor ganharia o cargo público máximo do País.

Além de acabar com o enfadonho e repetitivo horário político, tradicional da campanha eleitoral, a população ficaria a conhecer o verdadeiro carácter dos candidatos, a explicação dos problemas do País e as melhores hipóteses de solução para eles apresentadas pelos candidatos.

Com esta solução, quem financiaria essa casa (Casa dos Políticos) seria o repasse de parte do valor dos telefonemas que a casa receberia e passariam a ser desnecessários os oferecimentos em dinheiro vivo das empresas de construção civil e outras com o argumento de cobrir o 'fundo de campanha'.

Parece uma ideia incrivelmente boa! E teria também o efeito de contribuir para a formação cívica do povo, que muito aprenderia sobre os problemas do País e das várias hipóteses de os resolver. Levaria o povo a interessar-se pelos assuntos políticos de cujo afastamento muitos políticos se queixam actualmente.

Se o leitor achar interessante a ideia, debata-a nas conversas com familiares, amigos, colegas e conhecidos. E, depois, se a ideia for posta em prática (!!!), participe com os seus telefonemas para a ‘Casa dos Políticos’.

Perito Moreno



video
Fernanda Ferreira

Mulheres trabalham mais 16 horas em tarefas não remuneradas


Há muito que as polémicas em torno das desigualdades entre homens e mulheres colocam no centro das atenções o trabalho doméstico desenvolvido pelo sexo feminino.

Feitas as contas, elas trabalham mais 16 horas por semana do que os homens, desempenhando tarefas não remuneradas.

Estes números surgem a propósito do Relatório sobre o Progresso da Igualdade de Oportunidades entre Mulheres e Homens no Trabalho, Emprego e Formação Profissional, em debate esta quinta-feira, no Parlamento.

De acordo com a Agência Lusa, que teve acesso a este documento, os homens dedicam em média, por semana, 43 horas e meia ao trabalho pago e menos de 9 horas e meia ao trabalho não pago.

As mulheres, por seu turno, trabalham de modo remunerado 41 horas e seis minutos e não remunerado 25 horas e 24 minutos.

Contabilizando também o tempo de deslocação para o trabalho e de regresso a casa, os homens trabalham um total de 55 horas e 42 minutos e as mulheres 69 horas.

Quer isto dizer que, por via das tarefas domésticas e dos cuidados com a família, especialmente crianças, o sexo feminino continua em desvantagem em matéria de trabalho não pago.

Flores e Pássaros

Geração SMS‏... Este é o ensino que temos!


PARA A NOSSA REFLEXÃO :

REDAXÃO

'O PIPOL E A ESCOLA'

Eu axo q os alunos n devem d xumbar qd n vam á escola. Pq o aluno tb tem
Direitos e se n vai á escola latrá os seus motivos pq isto tb é perciso ver
q á razões qd um aluno não vai á escola.

Primeiros a peçoa n se sente motivada pq axa q a escola e a iducação estam uma beca sobre alurizadas.

Valáver, o q é q intereça a um bacano se o quelima de trásosmontes é munto
Montanhoso? Ou se a ecuação é exdruxula ou alcalina? Ou cuantas estrofes tem um cuadrado? Ou se um angulo é paleolitico ou espongiforme? Hã?

E ópois os setores ainda xutam preguntas parvas tipo cuantos cantos tem 'os
Lesiades''s, q é u m livro xato e q n foi escrevido c/ palavras normais mas
q no aspequeto é como outro qq e só pode ter 4 cantos comós outros, daaaah.

Ás veses o pipol ainda tenta tar cos abanos em on, mas os bitaites dos
profes até dam gomitos e a Malta re-sentesse, outro dia um arrotou q os
jovens n tem abitos de leitura e q a Malta n sabemos ler nem escrever e a
sorte do gimbras foi q ele h-xoce bué da rapido e só o 'garra de lin-chao' é
q conceguiu assertar lhe com um sapato.

Atão agora aviamos de ler tudo qt é livro desde o Camóes até á idade média e por aí fora, qués ver???

O pipol tem é q aprender cenas q intressam como na minha escola* q á um curço de otelaria e a Malta aprendemos a faser lã pereias e ovos mois e piças de xicolate q são assim tipo as pecialidades da rejião e ópois pudemos ganhar
um gravetame do camandro. Ah poizé. Tarei a inzajerar?


Nota: Deve estar a referir-se “Às Novas Oportunidades”!
(Texto verídico retirado de uma prova livre de Língua Portuguesa, realizada por um aluno do 9º ano, numa Escola Secundária das Caldas da Rainha (para ler, estarrecer e reflectir...!!!))

20/06/2009

A CULTURA DO PODER OU O PODER DA CULTURA

A cultura transforma as mentalidades, mas o poder tem medo das transformações sociais que não sejam ditadas por eles.

Há várias formas de poder, desde o poder político que estabelece as regras da economia, o poder dos usos e costumes que tem resistência á mudança e o poder de mercado que está sujeito a esses poderes.
Há ainda o poder da informação (ou desinformação) que condiciona todos os poderes à política do mais forte.

Todos estes poderes funcionam como um garrote à criatividade.
O criador que se exprime através de uma linguagem verbal, ou escrita, ou sonora ou visual, precisa de um veículo para comunicar e romper os usos e costumes para melhorar as mentalidades, cujo veículo está nas mãos dos poderes políticos e dos órgãos de informação.
Quem detém o poder económico manipula o poder político e os órgãos de informação, e por consequência, as mentalidades. Pescadinha de rabo na boca onde o criador só tem a porta da “marginalidade” (entenda-se como à margem de…) para se exprimir, ou se vender ao mais ofertante.

A Bienal de Cerveira pretendeu desde sempre ser essa porta, contra os que pretendem “institucionaliza-la” ao serviço de “quem dá mais”.
Interrogar-se sobre o papel dos criadores no conceito desta Bienal, que faz 30 anos este ano, poderá ser tema da XV Bienal de Cerveira e tema de debate entre os vários poderes e os que se tem dedicado a desenvolver um novo conceito de valores entre os valores materiais e o conhecimento.

Henrique Silva
Abril 2008

Links ligados ao evento - cerveira_artes
bolsas_bienal
newsletter
Fernanda Ferreira



MONTMARTRE... DO MEU CORAÇÃO!

Minho para quem gosta recordar e... para os outros aprenderem!

video

Como não dançar...simplesmente hilariante!

video

Fernanda Ferreira

OS PREÇOS DA ÁGUA


DECO contra as fortes variações praticadas no preço da água entre os vários concelhos do País•
Público, 18.06.2009, José Manuel Rocha

Associação propõe que sejam harmonizadas em todo o país as estruturas tarifárias da água num movimento denominado "Água a Preço Justo"

O preço de cinco metros cúbicos de água fornecida pela rede pública tanto pode custar 0,75 euros (na Chamusca) como 8,34 euros (na Figueira da Foz). São os valores apurados pela DECO num observatório que engloba 41 municípios. A associação de defesa do consumidor exige transparência no sector e regulamentação que conduza à harmonização dos tarifários que estão a ser praticados.

A DECO, em comunicado emitido ontem, considera que as disparidades observadas nos concelhos que tem sob monitorização "são manifestamente injustas para os consumidores" e acrescenta que as diferenças apuradas não têm "qualquer tipo de justificação económico-financeira".
Os preços mais baixos de fornecimento de água encontram-se nos concelhos onde é a câmara local a gerir o serviço. É o caso do município onde se apura o valor de fundo de tabela - Chamusca. Situações idênticas ocorrem em Ponte de Lima, em Caminha, em Évora e em Vila Viçosa.

Onde o serviço foi concessionado a empresas do sector privado, o caso muda de figura: os valores são geralmente mais elevados. É o caso da Figueira da Foz, onde cinco metros cúbicos de água custam 8,34 euros (este valor inclui a componente volumétrica e a tarifa fixa mensal). Outros exemplos podem ser avançados: Mafra (7,87 euros), Tavira (6,50), Matosinhos (5,68). A média de preços apurada pela DECO para o total dos concelhos analisados é de 4,97 euros por cinco metros cúbicos.

Para além das disparidades de preços, a DECO detectou também uma enorme diversidade de escalões de contagem, que podem ir de apenas 2 (Mafra) a 18 (Castelo Branco), desconformidades na dimensão dos escalões e diferentes formas de cálculo do valor a pagar. Há municípios, diz a associação, que estes fazem com que o utente pague todo o consumo com base no custo do escalão do último metro cúbico.

A DECO propõe, num movimento que apelidou de "Água a Preço Justo", que sejam harmonizadas, em todo o país, as estruturas tarifárias de água, nomeadamente através da utilização de "um número homogéneo e racional de escalões na componente volumétrica do tarifário". A associação pretende, ainda, que seja estabelecida uma estrutura de tarifas simples e transparente, para que o consumidor fique claramente informado sobre o valor que tem de pagar.

A correcção de injustiças implica, para a DECO, o fim dos contratos que impõe, para a totalidade do consumo, o preço do escalão do último metro cúbico consumido. E a transparência determina, segundo a associação de defesa do consumidor, que as empresas que gerem os serviços publicitem a justificação dos valores cobrados. 7,59 Euros é a diferença entre o preço praticado no concelho do país que cobra a taxa mais baixa e o concelho que cobra a taxa mais alta por cada cinco metros cúbicos de água. 0,75 Euros é o valor mais baixo cobrado por cada cinco metros cúbicos de água em Portugal. Mais precisamente no concelho da Chamusca.

Nota: Na maior parte dos concelhos as Câmaras criaram empresas municipais para gerir a água, ou melhor, para garantir rendimentos adicionais aos funcionários da autarquia que se distinguem pela cor partidária, amizade ao presidente, família ou outros tipos de compromisso ou cumplicidade. E, assim, o dinheiro é «suavemente» transferido do bolso dos cidadãos para os de incompetentes que, para sobreviverem, têm de sugar os dinheiros públicos, com a cumplicidade de autarcas eleitos. Por isso eles se esforçam tanto nas campanhas eleitorais para obterem os votos suficientes para subirem ao poleiro de onde dominam o negócio. Isto é facilmente concluído de uma observação mesmo que pouco atenta.
A João Soares

TEMA MUITO ACTUAL AINDA QUE ESCRITO EM 1700




DÉJAME DORMIR, MAMÁ

Hijo mío, por favor,
de tu blando lecho salta.
Déjame dormir, mamá,
que no hace ninguna falta.

Hijo mío, por favor,
levántate y desayuna.

Déjame dormir, mamá,
que no hace falta ninguna.

Hijo mío, por favor,
que traigo el café con leche.

Mamá, deja que en las sábanas
un rato más aproveche.

Hijo mío, por favor,
que España entera se afana.

¡Que no! ¡Que no me levanto
porque no me da la gana!

Hijo mío, por favor,
que el sol está ya en lo alto.

Déjame dormir, mamá,
no pasa nada si falto.

Hijo mío, por favor,
que es la hora del almuerzo.
Déjame, que levantarme
me supone mucho esfuerzo.

Hijo mío, por favor,
van a llamarte haragán.

Déjame, mamá, que nunca
me ha importado el qué dirán.

Hijo mío, por favor,
¿y si tu jefe se enfada?

Que no, mamá, déjame,
que no me va pasar nada.

Hijo mío, por favor,
que ya has dormido en exceso.

Déjame, mamá, que soy
diputado del Congreso
y si falto a las sesiones
ni se advierte ni se nota.
Solamente necesito
acudir cuando se vota,
que los diputados somos
ovejitas de un rebaño
para votar lo que digan
y dormir en el escaño.
En serio, mamita mía,
yo no sé por qué te inquietas
si por ser culiparlante
cobro mi sueldo y mis dietas.
Lo único que preciso,
de verdad, mamá, no insistas,
es conseguir otra vez
que me pongan en las listas.
Hacer la pelota al líder,
ser sumiso, ser amable
Y aplaudirle, por supuesto,
cuando en la tribuna hable.
Y es que ser parlamentario
fatiga mucho y amuerma.
Por eso estoy tan molido.
¡Déjame, mamá, que duerma!

Bueno, te dejo, hijo mío.
Perdóname, lo lamento.
¡Yo no sabía el estrés
que produce el Parlamento!


Fray Junípero (1713 - 1784) Religioso franciscano español.
Piensen que fue escrito por este franciscano en el 1700 y valoren su vigencia

Nota: Não traduzi para que não perdesse a autenticidade e porque é fácilmente entendível. Luis

DECLARAÇÃO DOS DIREITOS DO AMOR


Considerando ser o AMOR o maior de todos os agentes de Utilidade Pública,
PROCLAMA-SE O QUE SEGUE:

Artigo 1º
O Amor pode apropriar-se de todo e qualquer coração, com ou sem anuência do dono.

Artigo 2º
Em presença de sentimentos inferiores, tais como a raiva, o ódio e o ressentimento, ao Amor é permitido julgá-los e extraditá-los sem direito a reconsideração da pena.

Artigo 3º
O Amor deve ser respeitado em todas as suas formas, sejam elas dirigidas a pessoas, coisas, vegetais ou animais.

Artigo 4º
Ao Amor é sempre permitida a companhia do perdão, pois que sem este Ele está falsificado.

Artigo 5º
O Amor tem o direito de ficar cego, surdo e mudo quando em presença de maledicências e pode apresentar-se como agente de paz diante de desarmonias e atos prejudiciais a todos os seres do Planeta.

Artigo 6º
O Amor tem licença plena para manifestar-se livremente, independente de raça, credo ou religião. Ele é incondicionalmente livrepara viver em seu habitat natural:
O Coração.

Artigo 7º
O Amor é bússola que aponta o caminho para a Felicidade e assim deve ser indiscutivelmente reconhecido.

Artigo 8º
A todo aquele que banir o Amor do seu coração será imputada a pena de solidão, isolamento e sofrimento perpétuos.

Artigo 9º
O Amor nunca deverá ser responsabilizado por dores, perdas ou danos e tem amplos poderes para neutralizar todas as batalhas, sejam elas emocionais, familiares ou sociais.

Artigo 10º
Ao Amor não se aplicam Leis Trabalhistas:Ele pode exercer suas funções 24horas por dia durante TODOS os dias do ano.

Artigo 11º
Quando o Amor entra em corações, deve ser bem recebido, bem tratado, bem nutrido e absolutamente livre para agirem prol de todos os envolvidos por Ele.

Artigo 12º
Em nenhuma hipótese o Amor deverá ser álibi para atitudes de más intenções, tais como usá-lo como desculpa para enganar, iludir ou controlar corações. Também nunca poderá ser instrumento de brincadeira com o sentimento do homem ou da mulher.

Artigo 13º
Toda e qualquer tentativa de matar o Amor será tratada pelo Universo como crime contra a vida do próprio mandante.

Artigo 14º
O Amor é partidário da Lei de Causa e Efeito: Ele pode partir em definitivo da Vida daqueles que optam pelo sofrimento diante das adversidades, e também daqueles que se deixam cair em abandono.

Artigo 15º
Ao Amor nada deve ser acrescentado e Dele também nada retirado, posto ser o mais perfeito de todos os sentimentose "manifestação absoluta de Deus".

Parágrafo Único:
Os Direitos do Amor sempre protegerão
os legítimos Direitos de Todos os Seres.
REVOGUEM-SE TODAS AS DISPOSIÇÕES EM CONTRÁRIO
Silvia Schmidt

MUSICA DO NOSSO TEMPO

video

19/06/2009

Contra o cancro

Este texto é a tradução pela colega Fernanda Ferreira do .pps que aqui estava e que tornava o blog muito pesado.

DEPOIS DE ANOS DIZENDO ÀS PESSOAS QUE A QUIMIOTERAPIA É A ÚNICA FORMA DE TENTAR (TENTAR É A PALAVRA - CHAVE) ELIMINAR O CANCRO, JOHN HOPKINS ESTÁ FINALMENTE COMEÇANDO A DIZER - LHE QUE EXISTE UM MEIO ALTERNATIVO.

ACTUALIZAÇÃO SOBRE CANCRO DO HOSPITAL JOHN HOPKINS – EUA

Cada pessoa tem células cancerosas no organismo. Estas células cancerosas não aparecem nos testes normais antes de se terem multiplicado por alguns milhões. Quando os médicos dizem aos doentes que não há mais células cancerosas em seus corpos após o tratamento, isto significa apenas que os testes não são capazes de detectar as células cancerosas, porque elas não atingiram o tamanho detectável.

As Células cancerosas ocorrem entre 6 a mais de 10 vezes na vida de uma pessoa. Quando o sistema imunológico de uma pessoa é forte, as células cancerosas serão destruídas e impedidas de se multiplicarem para formar tumores.

Quando uma pessoa tem cancro, isso indica que a pessoa tem múltiplas deficiências nutricionais. Isto poderia ser devido a factores genéticos, ambientais, alimentares e ao estilo de vida. Para vencer as múltiplas deficiências nutricionais, mudar hábitos alimentares e incluir suplementos na dieta reforçará o sistema imunológico.

A Quimioterapia envolve o envenenamento das células cancerosas que crescem rapidamente e também destrói as células saudáveis da medula óssea, do trato gastrointestinal, etc, e podem causar danos em órgãos como fígado, rins, coração, pulmões, etc. A Radiação, ao destruir as células cancerosas, também queima, fere e danifica as células saudáveis, os tecidos e os órgãos.
O tratamento inicial com quimioterapia e radiação, frequentemente reduz o tamanho do tumor. Contudo, o prolongado uso da quimioterapia e da radiação não resulta na destruição do tumor.
Quando o corpo tem muita carga tóxica proveniente da radiação e da quimioterapia e o sistema imunológico está comprometido ou destruído, a pessoa pode sucumbir a vários tipos de infecções e complicações. A Quimioterapia e a radiação podem transformar as células cancerosas e torná-las resistentes e difíceis de destruir. A Cirurgia também pode provocar a disseminação de células cancerosas para outras partes do corpo.

Uma maneira eficaz de combater o câncer é matar de fome as células cancerosas, não as alimentando com os alimentos que elas necessitam para se multiplicarem. A Proteína da carne é difícil de digerir e requer muitas enzimas digestivas. A carne não digerida restante nos intestinos putrefaz-se e provoca maior acumulação tóxica.
As paredes celulares do Cancro são cobertas por uma proteína dura. Ao abster - se de comer ou comendo menos carne, mais enzimas são liberadas para atacar as paredes de proteína dura das células cancerosas e permite que as células assassinas do corpo destruam as células cancerosas.
Alguns suplementos fortalecem o sistema imunológico (IP6, Floressence, Essiac, anti-oxidantes, vitaminas, minerais, EFAs etc), para permitir que as células assassinas do corpo destruam as células cancerígenas. Outros suplementos como vitamina E, são conhecidos por causar apoptose, ou morte celular programada, que é o método normal do corpo eliminar as células danificadas, indesejáveis ou desnecessárias.

O Cancro é uma doença da mente, do corpo e do espírito. Um espírito positivo e pró-activo contribuirá para que o combatente do camcro seja um sobrevivente. Raiva, impiedade e amargura colocam o organismo em um ambiente stressante e ácido. Aprenda a ter um espírito amoroso e piedoso. Aprenda a relaxar e desfrutar a vida.

As células cancerosas não podem prosperar num ambiente oxigenado. Exercitar-se todo dia e fazer exercícios respiratórios ajuda a obter mais oxigénio para atingir o nível das células. Oxigénio terapia é outro meio empregado para destruir células cancerígenas.

AS CÉLULAS CANCEROSAS SE ALIMENTAM DE:

Açúcar é um alimentador do câncer. Ao cortar o açúcar, corta-se um importante abastecimento alimentar para as células cancerosas. Os substitutos do açúcar, os adoçantes como NutraSweet, Equal, Spoonful, etc, são feitos com Aspartame que é nocivo. Os melhores substitutos naturais seriam o mel ou o melado, mas apenas em quantidades muito pequenas. O sal tem um produto químico adicionado para torná–lo branco. A Melhor alternativa é o sal marinho.

O Leite faz com que o organismo produza muco, especialmente no trato gastrointestinal. O Câncer se alimenta de muco. Ao cortar o leite e substituí-lo por leite de soja sem açúcar as células cancerosas são mortas de fome.

Uma dieta feita de 80% de legumes frescos e sumos, grãos, sementes, nozes e um pouco de frutas ajuda a por o corpo em um ambiente alcalino. Cerca de 20% pode ser de alimentos cozidos inclusive feijão. Sucos de vegetais frescos fornecem enzimas vivas, que são facilmente absorvidos e atingem as células em 15 minutos para nutrir e aumentar o crescimento de células saudáveis Para obter enzimas vivas para construir células saudáveis experimente beber sucos de vegetais frescos e de brotos de feijão e comer alguns vegetais crus 2 ou 3 vezes por dia. As Enzimas são destruídos a temperaturas de 40 graus C. Portanto, mantenha os vegetais e os brotos de feijão em local fresco.

Evite café, chá e chocolate, que têm alta concentração de cafeína. Chá verde é uma alternativa melhor e tem a propriedade de combater o câncer. – Água: é melhor beber água purificada ou filtrada, para evitar toxinas e metais pesados da água. Água destilada é ácida, evite-a.

ATUALIZAÇÃO DE CANCRO DO HOSPITAL JOHN HOPKINS – EUA

1. Nenhum recipiente de plástico no microondas.

2. Nada de garrafas de água no congelador.

3. Nada de revestimento plástico no microondas.

Johns Hopkins recentemente publicou esta comunicação, no seu boletim informativo. Esta informação está a ser divulgada no Walter Reed Army Medical Center.

Dioxinas químicas provocam o câncer, sobretudo o de mama. As dioxinas são altamente tóxicas para as células do nosso corpo. Não congele os seus frascos plásticos com água neles pois isto libera dioxinas do plástico. Recentemente, o Dr. Edward Fujimoto, gerente do programa de bem-estar do Hospital Castle, foi a um programa de TV para explicar este risco à saúde. Ele falou sobre as dioxinas e como eles são más para nós. Ele disse que não deveríamos aquecer os nossos alimentos no microondas usando recipientes plásticos.

Isso se aplica especialmente aos alimentos que contêm gordura. Ele disse que a combinação de gordura, calor alto e plásticos libera a dioxina em alimentos e finalmente nas células do corpo. Ao invés disso, ele recomenda usar utensílios de vidro, como Pirex, ou de cerâmica, para aquecimento dos alimentos. Você obtém os mesmos resultados, apenas sem a dioxina. Assim, os alimentos industrializados e embalados em plásticos devem ser removidos do recipiente e aquecidos em outra coisa.

O papel não é mau, mas você não sabe o que está no papel. Só é seguro usar vidro temperado ou cerâmica. Ele nos lembrou que há pouco algum dos restaurantes “fast food” trocaram os invólucros de plástico por papel. O problema das dioxinas é uma das razões.
Além disso, assinalou que invólucros de plástico são tão perigosos quando colocados nos alimentos a serem cozidos no microondas. Quando o alimento é aquecido, o elevado calor provoca toxinas venenosas derreterem para fora do revestimento plástico e gotejar na comida. É melhor cobrir o alimento com uma tolha de papel.

Trata-se de um artigo que deve ser enviado a qualquer pessoa que considere importante em sua vida.

NOTA: Este post vem juntar-se a vários já antigos, nomeadamente a um que se refere ao bicarbonato de sódio que, tornando o organismo menos ácido tira possibilidades ao cancro de se desenvolver ou mesmo de sobreviver.

Dos posts mais antigos refiro os seguintes (basta clicar para se abrirem):

- «Medicamentos» naturais
- Aspirina e o fígado
- Cura do cancro !
- Cancro da próstata - Informação Útil
- Como evitar células cancerosas

Penso que se o texto fosse retirado das imagens e formatado apensas em WORD, seria lido mais facilmente. Agradeço à nossa dinâmica amiga Ná o seu trabalho na preparação deste texto!!!

Album de Fotografias

PARA AS MINHAS AMIGAS

Em caso de dúvida...experimente!!! Se tem uma explicação científica...gostaríamos de a conhecer!!!

video

Fernanda Ferreira

Uma lição de perseverança!

Imagem da Net.
Alguma vez observou o comportamento dos pássaros quando expostos à adversidade?
Durante dias a fio eles constroem os seus ninhos, muitas vezes juntado materiais trazidos de muito longe. Contudo, e frequentemente, quando eles terminam o seu ninho e este se encontra pronto a receber os ovos, o tempo, a mão humana ou até algum outro animal acaba por destruí-lo, deitando todo o seu trabalho por terra, mas pensam que isto os desmotiva? Nem pensar, eles recomeçam tudo de novo, se necessário várias vezes até que haja ovos nos seus ninhos.

Por ventura, alguma vez sentiu que na sua vida, no seu trabalho, na sua família, as coisas não são como sempre sonhou? Tem vontade de dizer “basta”, sente que o esforço é infrutífero e demasiado para si!
Está cansado de tudo e de todos? Sente que a luta do dia-a-dia é um desperdício de tempo, sente que a sua confiança foi traída, que os seus objectivos não foram obtidos mesmo naquele preciso momento em que estava quase a consegui-los?


A vida muita vezes abate-nos, mas você deve continuar, encher-se de esperança e não se refugiar na escuridão!
Não se preocupe se ficar ferido na batalha, isso deve ser esperado e tido em conta como natural. Reúna as suas forças e reconstrua a sua vida para que tudo volte ao normal. Apesar do que possa ter acontecido…nunca se desmotive, pelo contrário, siga em frente. A vida é um constante desafio mas trará recompensas aos mais persistentes cuja perseverança os motiva... e já agora siga a lição dos pássaros na íntegra e não deixe de cantar.
Traduzido do meu post lesson-in-perseverance.
Fernanda Ferreira