02/09/2009

LÁ...

Imagem da net


Lá, onde o céu e o mar se fundem,
Há encanto e é o limite...
Lá, onde só o pensamento chega,
Não se sabe se o mar almeja
Todo o céu que lhe resiste!


Ana Martins
Escrito a 28 de Agosto de 2009

5 comentários:

Sonia Schmorantz disse...

Que lindo Ana!
beijo

A. João Soares disse...

Querida Ana Martins,

O fascínio do infinito do desconhecido, do invisível!
Foram estas curiosidades e muitas outras que levaram o homem a criar os Deuses, tendo gregos e romanos criado um para cada sector da sua vida.
Nós, a ignorância, a curiosidade e a espiritualidade, uma amálgama que ocupa poetas e pensadores.
Obrigada por nos proporcionar mais esta pérola do nosso rosário de prazer.

Beijos
João

Fernanda disse...

Querida Ana,

Sempre lindos os teus poemas amiga. L-I-N-D-O-S!

Parabéns
Beijinhos

Vitor Chuva disse...

Olá Ana Martins!

Pequenino na mensagem, grande e lindo no sentimento que transmite!

Um prazer ler!
Um abraço.

Vitor Chuva

Luis disse...

Querida Ana,
Mais um belo poema e igualmente bem acompanhado pela imagem escolhida. Já disse anteriormente que as nossas companheiras de blog são o máximo!E não me canso de repeti-lo...
Beijinhos.