10/04/2010

Pincho Riba D'Âncora







Nos roteiros do Norte é obrigatório esta caminhada através da natureza, até S. Lourenço da Montaria, à descoberta do Pincho, lugar paradisíaco.
Eu pessoalmente, fiz somente uma vez esta caminhada, num dia de calor intenso e já há alguns anos.
O José tem percorrido esta zona várias vezes, muitas delas de bicicleta, tendo de atravessar estas águas cristalinas, que em algumas partes são bastante profundas.
Ontem, mais uma vez, ele fez expressamente este mesmo passeio, munido da sua máquina, para nos mostrar toda a beleza deste local único.

O Pincho encontra-se perto de Freixeiro de Soutelo em Riba D'Âncora em Vila Praia de Âncora. Esta maravilhosa queda de água serpenteia uma larga zona de solo granítico, vindo do alto dos montes cobertos de vegetação milenária.
O acesso pode ser feito a pé pelo monte, subindo aqui, descendo ali, ou pelo caminho de terra batida. Chega-se relativamente perto de carro ou outro meio de transporte compatível, mas o mais comum é termos que caminhar um bom bocado, o que é sempre delicioso e nos permite apreciar a belezas naturais em pormenor.
Mesmo em dias de muito calor, vale bem a pena o esforço das subidas e descidas, uma vez que quando lá chegamos, deparamos com a beleza singular da montanha granítica e da queda de água natural que se estende por entre pedras e rochedos,uma verdadeira cascata da mais límpida água, embalada na magnificência da sua autenticidade e força.

Essa impressionante queda de água e a inalterável “levada” que se situa a poente, têm, ao longo do dia e da noite, o ruído próprio dos rios, constante e sereno como o som de uma orquestra natural e fecunda que só a correnteza das águas vindas do fundo da natureza podem produzir.
O Pincho está envolto por uma paisagem natural revestida de azul e verde. Depois da queda em cascata, a torrente de água dá forma a uma tranquila lagoa bastante visitada nas épocas de veraneio.

Este passeio até ao Pincho, proporciona-nos mais conhecimento na descoberta das maravilhas da natureza, e dá-nos a oportunidade de contemplar a nossa região com olhos de quem vê, observa e por fim descreve com pinceladas de admiração as potencialidades da nossa região.
Percorrer a natureza é motivo de aprendizagem e prazer. A natureza é uma lição.

PINCHO I


PINCHO II


Fotos e vídeos de José Ferreira

Fernanda Ferreira (Ná)

7 comentários:

A. João Soares disse...

Querida Ná,

Um trabalho de fotografia e de vídeos muito completo e perfeito e um texto a condizer. Cada vez sinto mais reforçada a ideia de que muitas pessoas vão ao estrangeiro por snobismo e desconhecem as nossas belezas que não são inferiores ao que por lá vão encontrar.
Parabéns pela qualidade e bem haja por trazido aqui esta beleza que nos deleita.

Beijos para a Ná e um forte abraço para o José
João

Fernanda disse...

Querido amigo João,

Bom dia! Com muito sol e muita alegria!
A Primaverar parece que finalmente chegou a Portugal :))))

Julgo que já reparou que hoje, contrariamente ao habitual, fui dormir tarde e a más horas...
Tudo isto porque estava empenhada neste post e a Internet esteve excepcionalmente lenta ontem.
O que acabo de dizer, serve também para justificar a falta dos meus comentários.

Fico sempre muito feliz quando gostam do que finalmente resulta de um esforço feito, mesmo sendo feito com tal prazer que nem o sono chegava.
Sabe ainda como me é importante a sua opinião, por isso, um beijinho, com um grande sorriso e um abraço grande.

Irene Moreira disse...

Querida Ná,

Que maravilha de lugar e como descreves tão bem e somado as imagens nos sentimos realmenet a visitão lular tão potencial.

Beijos e bom final de semana

J.Ferreira disse...

Caros amigos,

Para não ferir susceptibilidades, sobretudo aos naturais dos lugares fotografados,quero esclarecer que as fotos são de três locais distintos, as quedas de água são "O Pincho", a ponte romana é a "Ponte de Tourim" o outro local que forma uma piscina natural, lamento mas não recordo o nome. No entanto pertencem todos à Freguesia de Amonde. Há outros locais maravilhosos nesta freguesia.
Um abraço do
JF

Luis disse...

Meus Bons Amigos,
O Minho é uma riqueza de imagens e de gentes que Vocês têm proporcionado a todos nós vizualizar e sentir com os Post's que têm apresentado neste nosso Blogue! Parabéns uma vez mais por este Vosso belo trabalho! Sente-se o Amor que têm à Vossa Terra!
Um beijinho à NÁ e um forte abraço ao José.

Pedro Ferreira disse...

Querida mãe, Pai!

Quantas saudades!
Adorei a aguarela do teu amigo mãe, é das vistas mais lindas que temos a Norte, da Pousada de São Teotónio - que tão bem conhecemos.
É um dos nossos sítios favoritos para estar em plena esplanada no Verão em dias quentes.
Parabéns ao artista, muitos mesmo!

O resto do trabalho, só me dá vontade de fazer as malas e partir hoje mesmo.
É tão bonito o nosso país.
O pai está um artista, acho que os dois fazem isto a brincar e fica lindíssimo.

Parabéns
Muitos beijos e abraços.
Pedro

Anónimo disse...

Atenção que o Pincho não se encontra em Riba de Âncora, isto é uma informação completamente errada. Situa-se sim em Amonde no lugar de Ponte de Tourim (nome de uma ponte romana existente nesse lugar). Este rio desagua em Vila praia de Âncora percorrendo desde ai, Amonde, Orbacém, Esturranha, Soutelo, Riba de Âncora, Âncora e Vila Praia de Âncora.