10/04/2010

Atributos de chefe

O elefante e a cobra

Com este texto encerra-se o curso intensivo de «técnicas modernas de gestão». Trata-se de um encontro ocasional em que
Um elefante vê uma cobra pela primeira vez.

Muito intrigado pergunta:
- Como é que fazes para te deslocar? Não tens patas!
- É muito simples - responde a cobra - rastejo, o que me permite avançar.
- Ah... E como é que fazes para te reproduzires? Não tens testículos!
- É muito simples - responde a cobra já irritada - não preciso de testículos,
ponho ovos.
- Ah... E como é que fazes para comer? Não tens mãos nem tromba para levar a comida à boca!
- Não preciso! Abro a boca assim, muito grande, e com esta enorme garganta engulo a minha presa directamente.
- Ah... ok! Ok! Mas então, resumindo.... rastejas, não tens testículos e só
tens garganta...
… És Chefe de quem ?????!!!

5 comentários:

Fernanda disse...

Querido amigo João,

Hoje acordou com um humor fora de série.

Já me fartei de rir, especialmente com este post.

Boa pergunta????

Beijinhos

Graça Pereira disse...

Meu Amigo
Óptimo post para começar o fim de semana a rir...
Um beijo e bom fds
Graça

Luis disse...

Caro João,
Bom inicio para um Fim-de-semana bem disposto com tempo para refletir sobre estes temas...
Um abraço amigo.

A. João Soares disse...

Amigos, Fernanda, Graça e Luís,

Esta espécie de fábula, dá uma imagem daquilo que são alguns chefes. Os gestores modernos preocupam-se demasiado com a imagem e ostentam um poder de garganta que pretende ocultar todas as suas falsas qualidades.
Caros visitantes,

A propósito de chefes e EXECUTIVOS bem sucedidos, vejamos dois casos nacionais através de dois vídeos muito expressivos, em que pode ser apreciado o poder de oratória «convincente»:
Zeinal Bava
Rui Pedro Soares
Mas são protegidos do Poder Político reinante!!!

Beijos às senhoras e abraço ao Luís
João

Ana Martins disse...

Caro amigo João,
esta fábula além de engraçada é sim a imagem de muitos chefes e talvez hajam muitos mais do que aquilo que pensamos.

Beijinhos,
Ana Martins