21/04/2010

Imaginem um Mundo assim...

video

Creio que nunca foi aqui publicado.
Porque tenho um sobrinho semi surdo mudo, casado com uma surda muda total... e ainda... que estão à espera do seu primeiro filho, não consegui resistir.
O tema em si é lindo. Como seria bom o Mundo pela perspectiva de John Lennon, mais esta maravilha!

Fernanda Ferreira (Ná)

17 comentários:

Pérola disse...

Lindo amada.
Espantoso para ser mais exata.
Parabénssssssssssssssssss.
Um beijo grannnnnnnnnnde.

Celle disse...

Maninha, com tanta beleza, meu coração mole não aguentou, e eu chorei!
Acabei de visitá-la na outra casa e com tanta generosidade acabo aceitando o convite!rsrs
obrigada.

Maria Beatriz Ferreira disse...

Querida Ná,

Não conhecia, o David também não, o meu filho mesmo que já conheça vai adorar a tua lembrança.
Não foi só a tua amiga Celle que chorou.
Bem-hajas, pelo teu bom coração.

Beijos de todos,
Beatriz.

Kyria disse...

Maravilhosamente comovente.
Vale a pena ser divulgado, parabéns.
Bjs

A. João Soares disse...

Querida Ná,

Uma forma muito interessante de solidariedade, de generosidade. Sem custos financeiros apenas um gesto de ajuda e amizade, ao alcance de todos mas que apenas alguns praticam.
Isto é que é lutar contra a exclusão, sem discursos políticos, sem fantasias estéreis.

Beijos
João
Do Miradouro

Tite disse...

Querida Ná,

Adorei ver este vídeo e saber que já há grupos que se juntam para ultrapassar "dificuldades" como a surdez e a mudez a este nível.

Vou enviar este link a um amiguinho com esta "dificuldade" que vai adorar "ler" esta belíssima música do saudoso John Lennon

Fernanda disse...

Queridos amigos / amigas,

Ângela amiga, obrigada! Beijos.

Celle, maninha querida, coração mole e lágrima ao canto do olho...somos nós sim.
O convite é para valer!

Kyria, amiga!
Devia visitá-la mais vezes,sei que tem muitos amigos, mas nunca são demais.
Gosto muito dos seus comentários e de tudo o que escreve.
Obrigada.

Querido amigo João,
Precisávamos de tantos exemplos destes, de tanta mais solidariedade, de dar muito mais a todos os que afinal são diferentes mas tão iguais...

Querida Tite,
Que bom que tens mais alguém a quem fazer feliz.
É bom lembrarmos-nos de quem vive mesmo ao nosso lado, no seio da família a quem podemos ajudar e dar amor.

Beijinhos a todos.

Luis disse...

Querida Ná,
Um mundo assim seria lindo, não haveria exclusões e seriam todos solidários. É realmente comovente! Parabéns por este post.
Um beijinho muito amigo.

Ana Martins disse...

Querida amiga Ná,
Maravilhoso!!!!
Num mundo assim seriamos todos bem mais felizes!

Beijinhos,
Ana Martins

Manuela Araújo disse...

Olá Fernanda

Já conhecia, é um vídeo lindo, de esperança, gostei de rever. Conheço dois casais de surdos-mudos, e ambos tiveram gémeos (e normais) :)
Numa das escola básicas de Famalicão, há uma turma, onde anda, no 2º ano, um filho de uma amiga, onde estão creio que 5 crianças surdas ou surdas-mudas. E toda a turma tem aulas de linguagem gestual com uma professora que lá vai à escola para o efeito. É uma excelente ideia para integração. E os outros miudos gostam imenso e aprendem bem aquela forma de comunicar.
Beijinhos

Manuela Araújo disse...

Olá Fernanda
Decerto meti água... não sei se é mesmo "a professora" ou outra que dá as aulas de linguagem gestual :)
Memória fraca, a minha ...
Beijos

Pelos caminhos da vida. disse...

MOMENTO DE AGRADECIMENTO.

É muito gratificante cada vez que abro a página do meu espaço e encontro meus amigos por aqui.
Cada visita, cada comentário, mesmo que seja um simples OI me dá uma satisfação grande em continuar abri-la diariamente.
Vocês enriquecem meus dias.
Me esforço a cada dia para somar emoções com vocês, e as vezes nem respondo à altura.
A quase dois anos de blog, cresci muito, aprendi muito, devo isso a todos vocês meus amigos e seguidores.
Não importa o sexo, religião, valores e sim a dedicação diária em comentarem no blog.
Tenho um respeito enorme por vocês.
Obrigado por vocês existirem.
Obrigado a todos vocês amigos e seguidores que votaram no meu blog. Se ele chegou até aqui devo tudo isso a vocês.
Obrigado por vocês caminharem junto comigo "Pelos Caminhos da Vida".
Vamos aguardar a próxima votação.

Ana.

Fique com Deus.

beijooo.

Fernanda disse...

Queridos amigos e amigas,

Luís,
Seria sim, e que fácil é torná-lo realidade. Não à exclusão e apoiar e integrar na sociedade todos os que são de alguma maneira "diferentes". todos eles.

Doce Ana Martins,
Repito as tuas palavras e façamos algo nesse sentido, todos os dias.

Amiga Manuela,
Estamos as duas sempre a mudar de visual, agora nem a conhecia, mas sempre linda.

Não querida, não sou professora de surdos-mudos, sou agora "a part-time English teacher". Tenho na família um sobrinho que ficou surdo em bebé e só a partir dos 7 anos de idade começou a usar aparelho, daí ter um pouquinho de surdo mudo. Contudo é casado com uma surda muda total, vão ser pais agora...
Eu sei, eles sabem que não é hereditário, mas nada os assusta, eles estão habituados a viver assim.
O único problema, e que não é pequeno, é que são descriminados pela sociedade, sobretudo no campo profissional.
Alguns empresários, poucos, empregam-os só para usufruírem das compensações do governo, mas mal termina o contracto...rua.
Nenhuma novidade, eles fazem isto com todos nós.«, não é????

Querida amiga Ana,

Já estive no teu Blog. parabéns.

Eu sabia que passarias à segunda fase e que vais ganhar.
Conta comigo sempre.

Beijinhos a todos

Lady disse...

Boa tarde!
Estou sem palavras, tamanha minha emoção.
Como souemotiva ao extremo, não contive as lágrimas.
Lindo!
Tenho muita vontade de aprender a linguagem dos sinais, acho especial.
Parabéns!
Tenha uma ótima tarde.
Bj

Fernanda disse...

Olá amiga Lady,

Obrigada pela sua visita e por revelar grande sensibilidade.

Volte sempre,
Beijinhos

Na casa do Rau

Irene Moreira disse...

Querida amiga Ná

Que lindo e comovente vídeo, me fez os olhos encherem de lágrimas.
Trabalho que se deve dar muito valor e mais do que nunca divulgá-lo, fazer conhecer a todos que estão nas mesmas condições que a vida é bela para todos e juntos é que fazemos a diferença.

Beijos e bom final de semana.

Fernanda disse...

Querida Irene, amiga do coração,

Faço minhas todas as tuas palavras, um por uma.
Como o Mundo seria um lugar bom para viver e para todos, se assim fosse.

Beijinhos