16/04/2010

Monção e Lapela

Quando em Outubro de 1991 disse aos meus amigos que vinha viver e trabalhar para o Minho, depois de quase 40 anos de Porto, a maioria não acreditava. Um deles apostou que se fizesse isso, no máximo em 6 meses regressaria ao Porto. Foi para Monção que vim trabalhar. Aqui conhecia os clientes pelo nome e não pelo tão impessoal número de conta.
A terra onde ainda hoje se fazem estátuas de professores.
Já passaram quase 20 anos, ainda por cá estou.




Fotos e fime de José Ferreira
José Ferreira

7 comentários:

A. João Soares disse...

Caro Amigo José,

Um trabalho de muito valor, uma riqueza documental fantástica, desde os grandes espaços às ruas estreitas das casas a precisar de obras aos palácios., aos espaços verdes. Realmente fez uma boa escolha: viver em Monção é muito diferente do que viver no Porto ou noutra grande cidade.
Parabéns

Um abraço
João

Agulheta disse...

Amigo José! Pelo que sei e vejo,fez uma boa opção em viver no Minho.Ele é lindo pelo seu verde paisagistico,pelo seu mar valente,suas gentes de trabalho,gastronomia? tanta coisa poderia acrescentar,as fotos sobre valor histórico presente,gostei.
Beijinho bfs Lisa

Luis disse...

Caro José,
Apesar do prédio onde vivo em Algés mais parecer estarmos na Aldeia dado todos os seus condóminos viverem nesses moldes, em que o vizinho é nossa familia... digo-lhe que viver na Cidade é algo desgastante. Se pudesse já estava no Alentejo há muito tempo. Só estou à espera que a minha caçula acabe os estudos e se arrume na Vida para podermos partir...
Para quem tão bem conhece o seu Minho sou em dizer que quanto às suas lindas imagens, que são óptimas, só valorizam o que já de si é bonito.
Um abraço muito amigo.

Ana Martins disse...

Boa noite José,
já se passaram 20 anos e ainda aí está e estará. A nossa terra é onde nos sentimos bem, onde somos felizes. O Minho é lindíssimo, por isso não me admira nada essa paixão à terra. O meu marido tem uma filha a viver em Viana e ambos já comentamos muitas vezes que se mudássemos de terra seria para lá.

Beijinhos,
Ana Martins

Kyria disse...

Bela Terra, parabéns pela firmeza de decisão. Parabéns por seguir o seu caminho com amor. Carinhosamente, beijos.

J.Ferreira disse...

Caros amigas e amigos,

Para quem como nós dividiam as férias em 2 períodos, na Páscoa deslocavamo-nos para o Algarve. No Verão era o Minho. Quando decidimos abandonar a cidade, procuramos instalar-nos nesses locais. Ganhamos o Minho, estas poucas imagens sublinham a escolha.
Viana é uma cidade muito pacata e bonita e todas estas Vilas são únicas. Por aqui a história impera e tudo é bom. Tenho pena daqueles que vão penando e tentando sobreviver nas grandes cidades. Estão a matar-se aos poucos.
Pelo menos nas férias fujam dos grandes centros. Alentejo, Ribatejo, Beiras, Douro, Trás-os-Montes, Minho é só escolher o paraíso passa por esses lugares.
Quem sabe um dia, poderão ir para aí viver.
Grato a todos pelos vossos comentários.
Um abraço amigo do
JF

Fernanda disse...

Queridos amigos e José,

Ao ler sobretudo os comentários, fiquei com a noção de que a maioria das pessoas ficou a pensar que vivemos em Monção.
Efectivamente vieste trabalhar para Moção, há laços fortes que te unem a esta vila, mas vivemos em Vila Nova de Cerveira, terra ainda mais bela.

Beijinhos