17/12/2009

Uma lição para a Vida!


Era uma vez…

Um menino de 7anos que foi a casa dos Padrinhos de sua Mãe, no dia de Natal, para receber a sua prenda como era habitual. Lá chegados foi levado para junto do presépio e foi-lhe dado o presente, por sinal um carrinho muito bonito.
Qual não foi o seu espanto quando o neto dos Padrinhos apareceu e ao ver o carrinho nas sua mãos fez uma valente birra pois achava que este presente era melhor do que o que calhara! Birra, pranto, gritos e sei lá que mais e os Avós procurando acabar com aquele desplante sem o conseguir!
O tal menino de 7 anos perante tal situação resolveu a questão agarrando no carrinho dando-o ao outro, que logo se calou!
Os Avós perante o facto ficaram muito incomodados, pediam desculpas pelo sucedido e era o menino de 7 anos que, no meio daquela confusão toda, dizia que não tinha ficado triste, pois até tinha dado uma alegria ao neto deles.
A sua Mãe, que ficara embaraçada inicialmente, quando saiu mostrou-lhe o quanto ficara agradecida e satisfeita com a atitude do seu menino.

Esta lição ficou-lhe para a Vida! O menino fez-se Homem e o outro ficou pelo caminho…

QUEM TUDO QUER TUDO PERDE!

8 comentários:

Fernanda disse...

Querido amigo Luís,

Uma história um bocadinho diferente da da Dulce mas com algo de semelhante.

Aqui o menino que se ofereceu logo para trocar as prendas e acabar com a birra do outro, revelou imediatamente o seu carácter, o que fez dele um HOMEM!

Beijinhos

Sereia disse...

Amiga, hoje é o aniversário do nosso amigo Zé Carlos...
Eu conto com a sua presença lá no cantinho dele.
Ele vai ficar muito feliz eu tenho certeza disso.
Beijos.
http://zecarlosmanzano.blogspot.com/

Fernanda disse...

Desculpe amigo Luís,

Mas esta Sereia não é para si, ahahahah!

Já lá fui amiga... fiquei completamente parva com o número de mensagens que você lá deixou, você é fã do Zé Carlos, não vale a pena negar!

Beijos

A. João Soares disse...

Amigo Luís,

Há lições maravilhosas e muitas vezes vêm de seres ainda sem grande aprendizagem, o que prova que a Natureza é boa, mas os homens, com as suas ambições e vaidades ostensivas, é que a estragam. Ninguém nasce atleta a fazer assaltos à vara. Aprendem com as companhias e com os vícios da sociedade que se tem tornado cada vez mais desumana.
Haja Natal na mente de cada um!

Abraço
João

Luis disse...

Querida NÁ,
Eu percebi! Uma sereia destas seria demais cá para o "velhote"...Ahahahahaha
De qualquer forma irei visitá-la com gosto pois parece ser pessoa ínteressante!
Um beijinho amigo.

Luis disse...

Caro João,
Não há dúvida que as crianças são mais puras que muitos adultos pelas razões que apontaste!
Um abração.

Irene Moreira disse...

Luis

Que hostória , realmeente uma lição de vida .

Beijos

MARA disse...

Amigo Luis,

Que linda Passagem esta do menino de 7 anos! Afinal já era um homenzinho com qualidades para fazer dele o grande homem em que se tornou enquando o birrento ficou pelo caminho.
Histórias simples do dia a dia mas poucos meninos de 7 anos como este que nos encantou com a sua compreensão de um homenzinho jé feito.

Abraço
Luis