15/02/2010

Segundo dia de Carnaval!!!

Embora não sendo grande apreciadora do Carnaval, trago hoje aqui um cheirinho desta celebração anual, acompanhada de uma pequena explicação das suas origens, conforme dados recolhidos.


Em muitos países do Mundo, o Carnaval é uma celebração da vida. Segundo alguns historiadores, ao sabermos mais sobre o Carnaval saberemos mais de nós próprios e de todas as culturas mundiais.

Há centenas e centenas de anos atrás, os seguidores da religião católica na Itália iniciaram uma tradição que consistia em desfilar com belíssimos fatos e máscaras imediatamente antes do Jejum, uma vez que os católicos não devem comer carne durante o período que antecede a Páscoa. Chamaram a este festival “Carnevalle” o que significa, por a carne de lado.
Com o passar do tempo o Carnaval de Veneza tornou-se famoso, espalhando-se por toda a Europa. Como países como Portugal, Espanha, entre muitos outros Europeus começaram a tomar conta das Américas e doutras partes do Mundo, estes levaram consigo a tradição de celebrar o Carnaval. E assim se espalhou por todo o Mundo.

O Carnaval une o Mundo em termos de expressão própria. Ele leva-nos às nossas raízes, sendo mesmo uma forma de nos mostrar as culturas de cada canto do Mundo. Para os que não passam sem o seu Carnaval, juntem as mãos e dancem esta canção da vida.
aqui
Fernanda Ferreira (Ná)

7 comentários:

Irene Moreira disse...


Como comentarista compulsiva não poderia deixar esta postagem sem alguma palavra.
"Carnaval é alegria, sonhos , recordações... claro que hoje não pulo carnaval, mas gosto de apreciar a beleza dos blocos, das fantasias , a alegria dos foliões... e te digo fico ansiosa para que chegue 4a. feira para ter notícias de meu filho, pois desaparece nesses dias.
Aqui no Rio tem muitos Blocos de Rua e são organizados pelos moradores de bairros. associações , enfim os jovens se divertem saudávelmente e não gastam muito dinheiro e se divertem mais.

Bem amiga mais uma vez abraços e beijos

Luis disse...

Querida Ná,
Gostei desta sua apresentação e aproveito para dar mais umas achegas. Alguns historiadores atribuem a sua origem na Grécia antiga, há 10 mil anos a.C.. O termo carnaval é de origem incerta. Para uns o vocábulo "carnaval" advém da expressão latina carrum novalis (carro naval), para outros, tal como a NÁ disse, a palavra seria derivada da expressão carnem levare, modificada depois para carne, vale! (adeus, carne ou despedida da carne), anunciando a supressão da carne devido a Quaresma.
A verdade é que presentemente tem sido motivo de aproveitamentos turisticos por todo o Mundo - Veneza, Monaco, Rio de Janeiro Funchal - são exemplos disso mesmo!
Hoje em dia o Carnaval espalhou-se por todo o Mundo e é motivo de alegria e diversão através dos seus corsos sempre muito imaginativos e satíricos. A canção que aqui colocou reforçou este post que já de si era muito interessante.
Um beijinho muito bem disposto de acordo com a epoca....

A. João Soares disse...

Querida Ná,

Como diz o Luís, estas datas festivas vêm do paganismo e o cristianismo, peas mãos de sábios da época acharam que não era conveniente alterar usos e costumes das populações e inseriram as festas no calendário cristão, desde o Natal a coincidir com as festas dos solstício do Inverno, à Páscoa com as festas do equinócio da Primavera.
Sobre isso, estão no Do Miradouro os seguintes dois posts:
Data do Carnaval e
Páscoa. Religiões. Reflexões.

Fez bem em trazer este seu post. É preciso que as pessoas aprendam a interrogar-se a propósito de tudo. É assim que as crianças iniciam a sua aprendizagem.

Beijos
João

Pérola disse...

Boa noite minha querida.
Tá linda a postagem.
Parabéns viu!!!
Carnaval é um tradição bem extensa.
Um beijo grande.

Ana Martins disse...

Querida Ná,
sabes que desconhecia completamente as origens do carnaval?

É uma festa que também não comemoro, mas quando era jovem achava fantástica, íamos sempre festejar o carnaval , eu, os meus Pais e os meus irmãos, nem imaginas como tenho saudades. O meu pai adorava mascarar-se, era uma alegria.
A última vez que me mascarei foi talvez há uns 6 ou 7 anos, andava o Sérgio na Pré, fiz-lhe um fato de espantalho e vesti-me de espantalho também. A educadora dele na altura pediu que os pais se fantasiassem também e que acompanhassem os filhos no desfile. Apenas 3 ou 4 mães o fizeram. Lembro-me que estava um dia muito frio e eu tinha uma dor de cabeça daquelas que quase nos impedem de abrir os olhos, mas pelo meu filhote lá fui eu.

Beijinhos,
Ana Martins

direitinho disse...

Olá
Onde está a minha máscara....?
Esqueceram-se de mim........
Quero brincar e saltar até que a voz me doa.
Nunca fomos dados a estas festas, mas quando menino gostava de os ver mascarados com aquelas roupas velhas e todos desengonçados. Para mim era um delírio. Depois ....Os anos passaram e vivi o Carnaval com os meus meninos.Foi bom!....
Gratas recordações.
Hoje gosto de ver um corso com boa organização onde reina a sátira e tudo se encara com alegria e juventude.
Beijos mascarados de muita simpatia

Fernanda disse...

Queridos amigos,

Desculpem não ter comentado antes, mas estive muito ocupada...desta vez para variar um pouco, ainda mais :)))

Obrigada pelos vossos belos comentários, e divirtam-se...hoje é o último dia.

Beijinhos