24/03/2010

A minha amiga, Dona Maria.

As pessoas com as quais convivemos parecem ser todas iguais, porém só se diferenciam quando encontramos nelas determinadas qualidades especiais.
A Dona Maria é uma dessas pessoas especiais, veja-se o seu sorriso quando lhe afago o rosto enquanto lhe tiro esta foto.

Esta grande senhora é a mãe da minha vizinha mais próxima. Faz 87 anos no dia 28 de Março (dentro de dias) e teve um AVC muito forte no mês de Setembro de 2009.
Estava na altura na sua casa, sozinha, o marido, o Senhor Horácio, que tive a honra de conhecer muito bem, faleceu há seis anos, deixando-a mais solitária e abatida.
Nos primeiros tempos após a morte do marido, a Dona Maria ficou na casa da filha, mas assim que se sentiu com forças para encarar a sua vida e tomar conta dos seus animais, ela insistiu e voltou para a sua casa, sempre assistida de perto pela filha e genro.
Contudo, e apesar de bem acompanhada pelos médicos, aconteceu o acidente vascular cerebral, passando então a depender totalmente dos cuidados mais elementares, não sendo nem capaz de se alimentar.

Se trago aqui esta história verídica, é porque ela é só por si uma lição de vida e de perseverança. Desde então, a Dona Maria com todo o amor que tem à vida e ainda pela força, coragem e muito amor que lhe é dado pela sua família e amigos, começou a fazer fisioterapia há poucos meses, começou a andar e até já me veio visitar acompanhada pela filha.

Vejam bem o seu olhar doce, os seus olhos são mesmo o espelho da sua alma. A minha doce amiga, Dona Maria, é um exemplo vivo de como reagir perante a adversidade e merece todo o meu carinho e amor.

A amizade não obedece a uma presença constante mas a uma constante lembrança.
Sei que todos gostarão da minha amiga e se lembrarão dela com muito carinho, ela assim o merece.

Fernanda Ferreira (Ná)

13 comentários:

J.Ferreira disse...

Ninguém resiste a este sorriso e olhar meigo da D.Maria.

Bonita a tua atitude em publicares este texto que fará as delícias da família e da própria D.Maria, tenho a certeza absoluta.
Ela que na altura dizia que não queria ser fotografada porque estava velha e feia.

Linda como sempre ela está.
A vida conquista-se.

Beijo

Luis disse...

Querida Amiga NÁ,
Como sempre Solidária e Amiga eis a prova disso mesmo!
A D. Maria tem efectivamente um sorriso doce e pelo seu relato merece ser homenageada! Vida simples, sofrida mas mesmo assim muito bonita! Que Deus lhe dê saúde para poder viver mais independente, conforme parece ser o seu gosto!
Beijinhos amigos.

A. João Soares disse...

Querida Amiga Ná,

Este post, sendo destinado a homenagear as qualidades da Dona Maria, tem o condão de ser também um monumento à humanidade e solidariedade da Nã e do José. Estas qualidades, quando são exercidas em benefício dos outros, trazem por reflexo felicidade aos seus autores. Recebe-se sempre o eco do bem que se dá.
Não é novidade que o casal Ferreira se orienta por valores e princípios éticos que, infelizmente vão estando esquecidos pelas pessoas vulgares. Daí o estado degradado, e a piorar constantemente, da sociedade moderna.

Beijos à Ná, um abraço ao José e as melhoras da Dona Maria
João

Pérola disse...

Ela é muito fofa amiga.
A gente se emociona e bastante é q as vezes essa telinha ñ nos deixa de fato expressar com realidade o q sentimos.
Então o q podemos fazer é escrever e agradecer por tudo o q lemos ñ é?
Ñ tenha dúvidas de q ela ocupou um espaço enorme do seu blog e o de muitos outros q aqui estarão,pode ter certeza.
Bela postagem minha amiga.Me comoveu.
Quero aproveitar para te convidar a visitar um blog se ñ for pedir demais.É de uma poetisa bem conceituada e fantástica,creio q vai gostar.
Um beijo grande.

http://misspauleth.blogspot.com/

Graça Pereira disse...

Olhar este rosto doce é entrar numa outra dimensão da vida. Num desses mundos que cabem e discretamente ajudam a compor o mundo que vivemos à superfície. Há dignidade neste sorriso de quem cumpriu tudo o que havia para cumprir.
Não me esquecerei do dia do seu aniversário, no mesmo dia do do meu irmão e ainda por cima, Domingo de Ramos.Significativo para quem foi na vida, por certo, uma árvore frondosa, com muitos ramos, abrigando debaixo deles muitas vidas.
Dona Maria, um beijinho muito carinhoso para si e agora, tem mais uma amiga que a não esquece
Graça

José disse...

Olá querida amiga Fernanda, que és solidária, já todos disseram, eu digo que tu tens um coração enorme, tens um dom muito especial para a escrita,escreves aí com cada texto, que me deixas-te emocionado mais uma vez.
A D.Maria só por aquele sorriso ela
já merece esta homenagem,mas quem tem um sorriso assim,e um olhar como ela tem, tem também um coração bondoso.
E aquela mão, a fazer aquele carinho, é a mesma mão que escreveu este texto?

As melhoras da D. Maria
um beijinho grande
José.

Fernanda disse...

Meus queridos amigos e amigas,

Esta é a minha amiga Dona Maria, espero que a neta lhe tenha mostrado como ela é linda e amada, não só por quem a conhece, mas também por quem a ficou a conhecer um bocadinho.

Obrigada a todos pelo vosso carinho.

Beijinhos

Celle disse...

Ná, conhecendo-a um pouco,sua dedicação e solidariedade, compreendi o carinho e atenção dispensados à dona Maria. Seu amor filial transferido a quem poderia se sua mãe ou avó!
Lindo gesto, generosas palavras!
Um coração grande e generoso!
Beijinhos
Celle

Ana Martins disse...

Querida Ná,
a tua amiga D.Maria é um doce, o seu olhar e sorriso meigo falam por si só e não são precisas sequer palavras para apresentar essa adoravel Senhora.

Um Beijinho grande,
Ana Martins

Fernanda disse...

Queridas Celle e Ana,

Obrigada pelas vossas palavras.

Sei que a Dona Maria já viu e foram-lhe lidas as mensagens de todos vós, meus amigos.
Os seus olhos encheram-se de lágrimas enquanto esboçava o seu lindo sorriso.

Obrigada a todos, do coração. Com tão pouco se pode fazer tão bem.

Beijinhos

Ana Martins disse...

Minha Querida amiga Ná,
vim deixar um beijinho com muito carinho para a D. MARIA e desejar que passe o dia em que festeja as suas 87 Primaveras rodeada de todos os que ama e com muito amor!

Beijinho grande D. Maria!

Beijinhos para ti amiga,
Ana Martins

Fernanda disse...

Querida Ana,

Obrigada amiga, só tu para te lembrares da minha querida amiga.

Logo mais tarde dar-lhe-ei o teu e o meu beijinho, prometo.

Obrigada pelo teu apoio e o do teu lindo filho ao meu texto a concurso.

Beijinhos e abraços,

Luis disse...

OLá,
Parece que a D. Maria faz hoje anos. Se assim fôr associo-me nos Parabéns a tão simpática senhora e desejo que tenha rápidas melhoras.
Um beijinho carinhosos para ela.