10/07/2010

Amigo… dom de Deus

Meu amigo
Não me perguntes porque te escolhi
Entre tantas outras pessoas
Aparentemente tão mais próximas do que tu!
Não me perguntes
Como nasceu tamanha sintonia interior
Tão grande afeição e carinho
Tanta ternura e dedicação
Não me perguntes
Como posso sentir a nossa amizade
De forma tão forte e profunda
Tão profunda que até a ti te confunde!
Não me perguntes
Foste eleito uma das pessoas mais querida
Da minha vida,
Alguém tão especial, tão querido, tão amigo!
Não me perguntes
Como foi possível descobrir a pessoa que és
Tão rapidamente,
E encontrar «alguém»
Que até para ti é desconhecido!
Não me digas que exagero!
…Não me digas que não é bem assim!
Não me digas que não és a pessoa que eu «conheço» e admiro!
Diz-me apenas
Que também és meu amigo,
Mesmo que não saibas viver esta amizade
Com a mesma intensidade!
Ok?

Este poema retrata meus sentimentos com relação aos meus amigos e colegas do "SEMPRE JOVENS"
Autor desconhecido
celle

5 comentários:

A. João Soares disse...

Querida Celle,

Gosto deste post e da sua declaração final. É bom ser amigo e é necessário declarar que se é. para ambas as partes se convençam a cada momento que o são.
Temos de saber que não estamos sós e que há quem pense em nós, quem note a nossa ausência e se preocupe.

Sou seu amigo. Beijos
João
Do Miradouro

Luís Coelho disse...

O autor é desconhecido mas a amizade é muito real e cheia de ternura.
" Há razões que o amor desconhece"
As nossas escolhas são a vida que trocamos em cada dia por cada amigo que nos estende a mão.

Fernanda disse...

Amiga Celle,

O poema foi muito bem escolhido, é directo e simples, claro como água cristalina.
Parabéns!
Também sou sua amiga.

Luis disse...

Querida Amiga Celle,
Adorei este poema pelo que nos envolve numa Grande Amizade vinda dos nossos sentimentos mais nobres. Tivemos oportunidade de o sentir nos poucos momentos que cá vivemos quando da sua curta estadia em Portugal! Se houvesse dúvidas elas se desvaneceram aí!!!
A Amizade é algo de muito belo que devemos cultivar sempre para nossa própria Alegria!!!
Um beijinho muito terno do seu também Amigo.

Celle disse...

Ná, João, Luis e Luis Coelho!
Gostaria de responder a cada um em particular, infelizmente hoje, não será possível, estou com minha sala de tv cheia de amigos, vendo o jogo da Copa! rsrsrs...
Gostaria de lhes dizer que eu, devido minhas limitações, não teria a capacidade de conseguir exprimir com minhas próprias palavras e, descrever meus sentimentos tão explícitamente assim, como neste poema! É a realidade dos meus sentimentos, simbolizam meu estado de alma, mais verdadeiro impossível! Agradeço o autor, ou autora, me parece mais viável, pela nossa semelhança de sensibilidade!
Aos amigos, reafirmo meu carinho.
Beijos
celle