04/08/2010

Segurança nas ligações via Internet

Caras(os) Amigas(os),

Julgo de vosso interesse dar-vos a conhecer dificuldades que tenho sentido deste há cerca de 10 dias, com as exigências de identificação, sempre que pretendo colocar o primeiro comentário depois de ligar o browser. Isso deve-se a alguém ter tentado insistentemente decifrar a minha password, com fins logicamente inconfessáveis. Permitam que vos sugira que alterem frequentemente a vossa password, tal como faço, e que utilizem uma com mais de uma dúzia de caracteres.

À pessoa que se tem esforçado em vão por descobrir a minha password, informo que já deixei de usar a <>. Agora uso uma mais difícil. Dou-lhe um conselho: desista de querer fazer mal aos outros. Isso não dá felicidade a ninguém.

Cumprimentos aos que se consideram meus amigos
João

7 comentários:

Luís Coelho disse...

Boa Noite João
Não consigo entender o porquê dessa diatribe. Chatear-te...???
Quem mal não faz, mal não pensa.
Os blogues tem tudo à mostra. Se quisermos privacidade vamos para outro ramo e deixamos os blogues.
Desejo que consigas segurança e que te deixem em paz.

Ana Martins disse...

Boa noite João,
é incrível como pode haver alguém interessado em descobrir a password de outra pessoa, mas enfim tudo é possível e infelizmente há gente capaz de tudo. Alterar a password periodicamente devia ser um hábito.

Beijinhos,
Ana Martins
Ave Sem Asas

Fernanda disse...

Amigo João!

Sei bem do que fala. Bem demais diria!!!
Não há como qualificar essas pessoas!!!

Estou como diz a nossa Ana, mudemos as passwords regularmente, porque infelizmente há quem seja capaz de tudo. Infelizmente!

Beijinhos

Na casa do Rau

A. João Soares disse...

Caro Luís Coelho,

Há blogues que incomodam. Ou melhor, há pessoas que se incomodam com a qualidade dos blogues e que procuram destruí-los. Já houve ocasiões em que os blogs estavam bloqueados e não podiam ser abertos. Agora com passwords mais fiáveis apenas levam a Blogger a exigir-me mais pormenores na identificação para assegurarem que não sou mais um intruso a querer entrar.

Por exclusão de partes as suspeitas acabam por nos conduzir a certezas, principalmente se relacionarmos com comentários havidos e outras manifestações de vontades perversas que apenas se preocupam em fazer mal, por sistema e sem razões.

Um abraço
João
Do Miradouro

A. João Soares disse...

Queridas Ana e Ná,

Cuidado com os palpites!. Mas que há víboras por aí, não tenhamos dúvidas. Por vezes são lobos sob peles de cordeiro. Mas saberemos defender-nos, a começar pelas passwords cada vez mais extensas e complexas.
Vou-lhes mostrando que não as decifraram porque não estava ao seu alcance adivinharem!!!

Beijos
João
Só imagens

Luis disse...

Caros Amigos,
Sei do que falam pois está-me acontecendo o mesmo e a ideia que tenho é que há realmente pessoas a quem as verdades lhes custa verem ser postas à luz do dia. Há muita gente que quer que a ignorância persista para assim poderem fazer as suas "patifarias"!!!!
Pessoalmente nada temo agora como no antigamente mas que tenho sofrido na pele algumas dessas "patifarias" é uma grande verdade!!! É triste que tal aconteça...
Um Abraço a todos e até breve... pois ainda ando em trabalhos forçados para depois ir gozar umas férias bem merecidas!!! O corpo já anda bem dolorido... Rsrsrsrsrsrss
Saudades a todos deste vosso amigo.

A. João Soares disse...

Caro Luís,

Nestas atitudes, não basta detestar os temas abordados, é preciso saber e querer ser «hacker». É preciso ter uma forte maldade interior, espírito de vândalo sem escrúpulos. Desde que estou na blogosfera tive três curtos períodos em que sofri ataques insistentes e, acabei por reduzir as suspeitas a uma pessoa sempre diferente. Das duas vezes anteriores a esta publiquei um post de alerta e cortei relações «virtuais» com tais e-amigos. Nem toda a gente merece a nossa amizade, mesmo que apenas virtual.
Não me afectam a minha maneira de ser. O primeiro caso acabou por originar um post muito interessante, Quem sou?.

Um abraço
João
Do Miradouro