01/12/2010

Vida extraterrestre


Depois do post ET. Um desafio e congeminações que deu origem a comentários com interesse, surge agora, passado um ano, este artigo que transcrevo.



Não devemos manter teimosas incredulidades e é sensato admitir que o nosso conhecimento científico dos animais, vegetais e minerais e tudo o que daí decorre, pode ser inteiramente desajustado ao que se passe noutros astros. Se mesmo na Terra nos surgem surpresas a cada passo, não devemos alimentar certezas em relação ao imenso universo. Temos muitas razões para estarmos permanentemente atentos aos mínimos sinais e procurar compreender as novidades que irão aparecendo. 

Correio da Manhã. 01 de Dezembro de 2010. Por: André Pereira

Comunicação em máximo sigilo

A existência de vida extraterrestre pode ser anunciada já amanhã pela Agência Espacial Norte-americana. Menos de uma semana após ter revelado a descoberta de uma atmosfera com oxigénio e dióxido de carbono na lua Reia de Saturno, a NASA convocou uma conferência de imprensa sobre Astrobiologia, na qual promete revelar algo ao Mundo "que terá impacto na pesquisa de provas de vida extraterrestre".

A Astrobiologia é a ciência que estuda a origem, a evolução, a distribuição e futuro da vida no Universo. O conteúdo da comunicação da NASA está guardado em máximo segredo.

A agência não revelou mais pormenores sobre o assunto. No site da NASA são apenas anunciados os especialistas que estarão presentes na conferência a ser transmitida pela internet em (www.nasa.gov/ntv). Um dos participantes no encontro é Steven Benner, um astrobiólogo que também está envolvido na missão que levou a sonda ‘Cassini’ a Júpiter e descobriu em Reia gases comuns à atmosfera da Terra. Também IO, outra das 68 luas de Júpiter, é uma das candidatas que poderão conter alguma forma de vida no seu subsolo.

Imagem do Correio da Manhã

3 comentários:

Marli Borges disse...

Nesse imenso universo, seria a terra o único planeta "vivo"? Não acredito.
Bjss.

Luis disse...

Caríssimo João,
Esta notícia parece confirmar o que há muito tempo se falava... Não somos os únicos seres vivos neste Mundo! Os OVNIS já eram um alerta que o Homem terreno queria esconder mas que era difícil de manter por mais tempo!
Um abraço amigo.

celle disse...

João, não sei explicar mas, não sinto veracidade, nem duvido de quem afirma ter visto ou passeado de disco voador, ou que acreditam no que viram. Não tenho opinião formada a respeito, nunca levei a sério as notícias.
Vou esperar mais...
Beijos
Celle