14/06/2011

Tumbalalaika



O que ouvimos desenrola-se na Sinagoga Judaico-Portuguesa em Amesterdão, Holanda.
É iluminada apenas por velas. Foi construída há várias centenas de anos e nunca foi electrificada. O arco, assentos e tudo o mais foram feitos à mão, por construtores de barcos.
Inexplicavelmente, durante a 2ª. guerra mundial os nazis nunca se interessaram por esta preciosidade, jamais nela tendo entrado.
Encontra-se, pois, intacta e tal como foi erguida. Apreciemos toda a sua beleza !

Recebido por e-mail

4 comentários:

orvalho do ceu disse...

Olá,
Venho convidar-lhe para o meu post do dia 15 onde participamos um número considerável na BCFV em que debateremos a JUVENTUDE...
Participe vc também!!!
Seja sempre muito bem vindo(a)!!!
Bjs de paz
http://espiritual-idade.blogspot.com/

Celle disse...

João, algo espiritual ocorreu para que deixassem intacta tal sinagoga!
Pelo que descreveu e eu ví nas imagens, a magnitude desse espaço arquitetônico, um edifício artístico, com obras e detalhes artesenais, seculares, histórico,de grande beleza e significado!
Agradeço-lhe a oportunidade que tive de conhece-la e como eu muitas outras pessoas terão a felicidade de aprecia-la!
Obrigada!
Beijos, João!
Celle

A. João Soares disse...

Amiga Orvalho do Céu,

Parabéns pela sua iniciativa. Está um post muito bom e didáctico.
Beijos
João

A. João Soares disse...

Amiga Celle,

Felizmente, há acasos extraordinários, como este em que jóias de grande valor artístico escapam às catástrofes da guerra.

As notícias que nos chegam são doentias, mostrando o que há de mais abjecto na humanidade.
E, por isso, quando conhecemos algo de valioso, de bom, feito pelo ser humano ou pela Natureza, não devemos deixar de lhe dar o merecido realce. A felicidade faz-se de pequenas coisas belas, agradáveis.

Beijos
João