30/09/2010

1º DE OUTUBRO



Dia internacional da 3ª idade





MEXA-SE COMO UMA CRIANÇA
A atividade física é um fator de promoção da Qualidade e da duração da vida Ande, pratique alongamento dance, Não pare.

COMA COMO UM INDIO
Evite produtos industrializados. Coma menos gorduras. Abuse das frutas e verduras. Use pouco sal. Reduza o açúcar...

DURMA COMO UM GATO
Descanse o suficiente. Espreguice ao acordar. Trate bem o seu corpo.

TENHA A PERSISTÊNCIA DE UM CAMELO
Seja disciplinado. Mantenha seu compromisso de envelhecer com saúde. Trace os objetivos e tarefas.Mantenha seus sonhos vivos...

TENHA A ALEGRIA DE UM GOLFINHO
Valorize as coisas boas que a vida nos dá. Não seja amargo ou rancoroso. Viva o dia de hoje...

MANTENHA SUA CRENÇA NA VIDA, NO AMOR E NA FRATERNIDADE.

Autor Desconhecido

Nossas respeitosas saudações a todos os que levam na bagagem a experiência de uma longa Vida, onde adquiriram a sabedoria da idade!
C.S. SEMPRE JOVENS.


8 comentários:

A. João Soares disse...

Um bom post com bons conselhos aos idosos, para que aprendem a envelhecer com saúde, física e mental.

Beijos
João
Do Miradouro

Ana Martins disse...

Boa noite Celle,
excelente homenagem ao dia internacional da 3ªidade, porque ser velho não é sinónimo de doença ou incapacidade!

Beijinhos,
Ana Martins
Ave Sem Asas

Zé do Cão disse...

O texto está giro, tem humor e verdades.

Dia a Ana Martins que ser velho não é sinonimo de doença ou incapacidade.
Claro que não é. Ser velho é pensar no arco, na gancheta, na pingocha, no berlinde, nos botões. Já me passava, também pensar nas reformas miseráveis e no recanto do jazigo.
Um abraço forte à malta velhada e que daui a mais 20 anos estejamos todos aqui a festejar este dia internacional.

um abraço

Ana Martins disse...

Boa noite Zé do Cão,
tem toda a razão, realmente agora mais do que nunca, se pensa nas reformas miseráveis e em toda a falta de apoio que existe no nosso país para os mais velhos.

Mas ser velho, não significa ter que pensar no jazigo, conheço pessoas idosas com um espírito jovem invejável. Este ano estive na minha cunhada, que tem a mãe com 94 anos, uma senhora linda, que canta todo o dia e ainda faz questão de ajudar a filha no que pode. Quando for velha, adorava ser como ela!

Beijinhos,
Ana Martins

A. João Soares disse...

Amigos Ana e Zé,

O vosso diálogo é interessante e pode levar a observações esclarecedoras sobre vários aspectos do envelhecimento. Nem tudo é bom, quando a máquina começa a ter folgas e frequentes avarias, mas o espírito bem trabalhado ao longo da vida poderá apresentar muitas virtualidades, de saber, experiência, bom senso e tolerância.

Quase há dois anos publiquei aqui um texto de autor desconhecido que vale a pena ser visitado,Aluna Rosa.

Há bons conselhos que devem ser levados a sério como estes que a Celle aqui nos deixa hoje. Parabéns a todos os que se interessam por estes temas.

Abraços
João
Do Miradouro

Celle disse...

Meus prezados amigos e comentadores. A intenção de abordar este assunto foi de alertar àqueles que como eu ja atingiram ou estão próximos a atingirem a melhor idade, que não tenham receio, se cuidando, se mexendo, se mantendo atualizados e acompanhando a evolução do mundo, com saude e alegria, não importa a idade. Meu pai viveu 97 anos,faleceu agora em junho,completamente lúcido e participativo, deixando-nos realmente muito saudosos por que não nos trazia o menor trabalho, morava sózinho, na sua propria casa,não quis morar com nenhum dos filhos, gostava do seu cantinho. Aceitou uma companhia para dormir e jovem sra. que criou em sua casa como filha, fazia de dia, o serviço da casa. Possuia muitos amigos e não se esquecia de ser solidário, ajudava a todos, como podia:A uns com palavras e conselhos, a outros com pequenas quantias, dentro de suas posses de aposentado, para outros fazia campanhas coletando donativos: alimentos, roupas, cobertores etc, pelo telefone, por não poder sair sozinho. Sua morte foi muito sentida. Vivia como um homem maduro e fazia muito mais que muitos jovens fazem.
Um exemplo de vida para nós seus familiares.
Não pensemos na morte pensemos na vida e no que podemos fazer principalmente pelo proximo.
Beijos
Celle

Luis disse...

Minha Querida Celle,
O exemplo de seu Pai é realmente enternecedor e prova que podemos ser "Sempre Jovens". A Lena e eu nestes últimos tempos com os muitos trabalhos a que temos vindo a ser sujeitos somos igualmente prova que a 3ª Idade ainda permite muita coisa, haja é vontade e força anímica.
Saudações a todos os amigos e um beijinho à Celle.

Anónimo disse...

http://prixviagrageneriquefrance.net/ prix viagra
http://commanderviagragenerique.net/ prix viagra
http://viagracomprargenericoespana.net/ viagra
http://acquistareviagragenericoitalia.net/ viagra generico