29/05/2017

O PAPA E OS IDOSOS


O Papa e a solidariedade para com os idosos
(Retirado de um vídeo recebido em 170528)

Nas cidades é frequente o abandono de idosos e doentes. Podemos ignorá-lo?

As nossas cidades deveriam caracterizar-se sobretudo pela solidariedade que não consiste apenas em dar a quem precisa, mas em ser responsáveis uns pelos outros e criar uma cultura do encontro.

Acompanhas-me no meu pedido?

Para que os idosos, os marginalizados e as pessoas sós encontrem, mesmo nas grandes cidades, espaços de convívio e solidariedade.

6 comentários:

Fernanda Maria disse...

Para que isto realmente acontecesse era preciso uma grande mobilização social.
Mas pode começar pela nossa postura perante os idosos, sermos mais atentos, disponíveis e amáveis por exemplo.

Um beijinho
Fernanda

Celle disse...

È dever do Papa, chefe da igreja católica, deixar uma palavrinha aos seus fiéis e comunidades sobre este assunto. Infelizmente muitos idosos sofrem de abandono e indiferença e maus tratos. Moramos no interior e não convivemos com muitos casos semelhantes, mas sabemos que existem e a própria doutrina colocou nos mandamentos "Honrar pai e mãe" antevendo o despretígios dos idosos na sociedade atual.
Beijos
Celle

A. João Soares disse...

O Papa Francisco é genial na sua preocupação de conhecer de perto as diversas situações sociais e de aconselhar soluções. É função de cada ser humano meditar nestas situações e colaborar nas melhores soluções, sem estar a
à espera que outros as resolvam. Já aqui publiquei um texto sobre este caso: http://domirante.blogspot.pt/2017/03/respeitar-e-apoiar-os-idosos.html
«Os idosos não precisam apenas de comida e dormida». Foi publicado no semanário «O DIABO» e no blog «Do Miradouro».
Oxalá nada impeça o Papa Francisco de continuar a sua tarefa nos moldes em que vem agindo.

Celle disse...

Bravo mano João!

A. João Soares disse...

Obrigado Mana Celle.

Gisele Claudya disse...

Acho que tudo depende da criação. Jovens educados a respeitar os idosos saberão cuidar deles quando for preciso. Bem, pelo menos eu sei que posso contar com o meu filho. E minha mãe pode contar comigo e meus irmãos. Espero que todo idoso possa ter uma vida feliz, de paz e cuidados.